LOADING

Type to search

[:pt]A visita de Sergei Lavrov à Sérvia e o fortalecimento das relações russo-sérvias[:]

Share

[:pt]

O Ministro das Relações Exteriores da Federação Russa, Sergei Lavrov, fez uma visita oficial à Sérvia nos dias 12 e 13 de dezembro (2016). A comissão foi recebida pelo presidente Tomislav Nikolic, pelo primeiro-ministro Aleksandar Vucic e pelo Ministro das Relações Exteriores sérvio, Ivica Dacic. De acordo com o Governo sérvio, inicialmente, as pautas discutidas entre os altos escalões políticos dos dois Estados foram relacionadas à cooperação bilateral e ao desenvolvimento na parceria estratégica, juntamente com o interesse de ambos os Governos no aprofundamento desses laços em todos os sentidos.

Um dos pontos em especial é um Tratado de Livre Comércio entre os dois países, além de cooperação nas áreas de energia, agricultura e telecomunicações, deixando aberta a possibilidade de investimento russo nessas áreas.

Seguindo as palavras do embaixador sérvio em Moscou, Slavenko Terzic, a Rússia deveria “empregar um grau maior de influência, de soft power”, na região. A perspectiva dos movimentos russos nos Bálcãs vai muito em contrapartida às ações que outros atores vêm fazendo na área (como o convite a Montenegro para adentrar à OTAN) e, por vezes, são acusados de participar em atitudes antidemocráticas, como foi o caso de ataques durante às eleições para o Parlamento, também em Montenegro.

A cooperação militar dos dois países já havia sido aprofundada anteriormente neste ano (2016), quando forças militares russas, bielorrussas e sérvias fizeram treinamentos em território balcânico, o que, na ocasião, gerou desconforto na vizinhança. Algo que novamente está vindo à tona, com os pedidos da União Europeia para fecharem centros de ajuda humanitária mantidos pelo Governo russo em território sérvio, fazendo parte de um pedido do Bloco para o avanço das conversas de entrada do Estado sérvio na União. A Croácia também não vê a aproximação russa com bons olhos e se manifestou através da assessoria de seu Governo na última semana, trocando farpas com os vizinhos sérvios e bloqueando suas negociações de entrada na UE.

Com as sanções que o Ocidente vem mantendo à economia russa, os Bálcãs se apresentam como território relativamente amigável e de grande identificação cultural às aproximações russas.

———————————————————————————————–                    

Imagem Bandeiras russas e sérvias” (Fonte):

http://mouqawamahmusic.net/wp-content/uploads/2015/01/Russia-Serbia-Flags.jpg

[:]

Matheus Felten Fröhlich - Colaborador Voluntário Júnior

Mestrando em Ciências Sociais pela PUC-RS. Bacharel em Relações Internacionais (2014), pelo Centro Universitário Univates de Lajeado - RS, realizou estudos em Segurança Internacional na Högskolan i Halmstad em Halmstad, Suécia (2013). Áreas de interesse em pesquisa são em Política Internacional, Segurança Internacional, Península Balcânica e etnias nas Relações Internacionais.'

  • 1

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.