LOADING

Type to search

Brasil e Chile assinam acordo para facilitação de investimentos

Share

No dia 23 de novembro, Brasil e Chile assinaram um Acordo de Cooperação e Facilitação de Investimentos (ACFI), cujo objetivo é oferecer um ambiente institucional mais propício para a operação das empresas, por meio da prevenção de controvérsias e da melhora na governança para os investidores.

A expectativa é de que o Acordo Bilateral influencie positivamente o processo de aproximação e integração entre Mercosul e Aliança do Pacífico. Segundo dados do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC), nos últimos anos o Chile tem figurado como segundo maior parceiro comercial do Brasil na América do Sul e o terceiro maior na América Latina. De acordo com a Pasta, de 2004 a 2014, a corrente de comércio entre os dois países passou de US$ 3,9 bilhões para cerca de R$ 9 bilhões.

O ACFI foi assinado durante um Seminário Empresarial promovido pelo MDIC, em cooperação com a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil), a Confederação Nacional da Indústria (CNI) e os ministérios chilenos de Relações Exteriores e de Comércio Exterior. O evento reuniu representantes de empresas dos setores aeronáutico, software, máquinas e equipamentos, livraria e panificação.

———————————————————————————————–

Imagem (Fonte):

http://www.genteemercado.com.br/wp-content/uploads/2014/12/bandeiras1.jpg

Daniela Alves - Analista CEIRI - MTB: 0069500SP

Mestre em Medicina pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Bacharel em Relações Internacionais, jornalista e Especialista em Cooperação Internacional. Atualmente é CEO do Centro de Estratégia, Inteligência e Relações Internacionais (CEIRI) e Editora-Chefe do CEIRI NEWSPAPER. Vencedora de vários prêmios nacionais e internacionais da área dos Direitos Humanos. Já palestrou em várias cidades e órgãos de governo do Brasil e do Mundo sobre temas relacionados a profissionalização da área de Relações Internacionais, Paradiplomacia, Migrações, Tráfico de Seres Humanos e Tráfico de órgãos. Trabalhou na Coordenadoria de Convênios Internacionais da Secretaria Municipal do Trabalho de São Paulo e na Assessoria Técnica para Assuntos Internacionais da Secretaria do Emprego e Relações do Trabalho do Governo do Estado de SP. Atuou como Diretora Executiva Adjunta e Presidente do Comitê de Coordenação Internacional da Brazil, Russia, India, China, Sounth Africa Chamber for Promotion an Economic Development (BRICS-PED).

  • 1

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

×
Olá!