LOADING

Type to search

Chanceler mexicano se reúne com representante da oposição venezuelana

Share

De acordo com a Secretaria de Relações Exteriores mexicana, na última sexta-feira (dia 9 de março), seu Chanceler, Luis Videgaray Caso, acompanhado pelo secretário adjunto da América Latina e do Caribe, Luis Alfonso de Alba, realizaram uma reunião com representantes da coalizão partidária Mesa de Unidade Democrática (MUD), de oposição ao atual Governo venezuelano, para ter acesso a aspectos relevantes da situação no país.

Logo da coalizão partidária Mesa de Unidade Democrática (MUD)

Estavam presentes no encontro o deputado da Assembleia Nacional da Venezuela, Julio Borges, o Coordenador Político Nacional do Partido Voluntad Popular, Carlos Vecchio, e o Secretário Geral de Justiça, Tomás Guanipa.

Durante a reunião, os representantes venezuelanos explicaram a grave situação que prevalece na Venezuela, a rejeição da oposição ao processo eleitoral convocado para o dia 20 de maio de 2018, bem como os objetivos e a visão da recém-criada “Frente Amplio por Venezuela”, uma nova plataforma política desenvolvida pela MDU, que busca resgatar a ordem constitucional e a democracia do país.

Videgaray expressou sua solidariedade com o povo venezuelano e reiterou que o México acredita firmemente no diálogo e no consenso para que os próprios venezuelanos possam encontrar uma solução pacífica e democrática. Ele também observou que o México continuará a apoiar os esforços diplomáticos regionais visando contribuir para o restabelecimento das instituições democráticas na Venezuela e para enfrentar a grave situação humanitária no país.

Representantes do Grupo de Lima durante encontro oficial

Neste contexto, o Chanceler destacou a declaração adotada pelo Grupo de Lima, formado por Argentina, Brasil, Canadá, Chile, Colômbia, Costa Rica, Guatemala, Guiana, Honduras, México, Panamá, Paraguai, Peru e Santa Lúcia, que no dia 13 de fevereiro de 2018 rejeitou as eleições antecipadas planejadas por Nicolas Maduro.

Videgaray também enfatizou a importância da resolução aprovada pelo Conselho Permanente da Organização dos Estados Americanos (OEA), em 23 de fevereiro, que solicitou ao governo venezuelano para reconsiderar a convocação das eleições presidenciais e apresentar um novo calendário eleitoral que permitisse realizar um pleito com todas as garantias necessárias para um processo livre, justo, transparente, legítimo e credível, incluindo a participação de todos partidos políticos e atores venezuelanos.

———————————————————————————————–

Fontes das Imagens:

Imagem 1Manifestantes em Caracas” (Fonte):

https://pt.wikipedia.org/wiki/Protestos_na_Venezuela_(2014%E2%80%93presente)

Imagem 2Logo da coalizão partidária Mesa de Unidade Democrática (MUD)” (Fonte):

https://es.wikipedia.org/wiki/Mesa_de_la_Unidad_Democr%C3%A1tica

Imagem 3Representantes do Grupo de Lima durante encontro oficial” (Fonte):

https://es.wikipedia.org/wiki/Grupo_de_Lima

Tainan Henrique Siqueira - Colaborador Voluntário

Mestrando em Direito Internacional pela Universidade Católica de Santos. Graduado em Relações Internacionais pela Universidade Católica de Santos. Experiência acadêmica internacional na Cidade do México e atuação profissional no Consulado do Panamá e no Turismo Nuevo Mundo. Concluiu trabalho de extensão sobre Direitos Humanos e Refugiados, iniciação científica na área do Direito Internacional e da Política Externa Brasileira, sendo esta segunda iniciação premiada em terceiro lugar entre as áreas de ciências humanas e ciências sociais aplicadas da UniSantos em 2015. Atuou como Monitor na disciplina de Teoria das Relações Internacionais­I, durante o último semestre de 2015. Atualmente é monitor e pesquisador do Laboratório de Relações Internacionais da UniSantos em parceria com o Instituto de Pesquisas Científicas e Tecnológicas (LARI­IPECI), onde auxilia no desenvolvimento de projetos semestrais pautados por três frentes de pesquisa: 1) Direitos Humanos, Imigração e Refugiados; 2) Política Internacional e Integração Regional; e 3) Relações Internacionais, Cidades e Bens Culturais. Tem objetivo de seguir carreira acadêmica.

  • 1

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

×
Olá!