LOADING

Type to search

As crescentes relações entre a China e os Países de Língua Portuguesa

Share

As relações comerciais entre a China e os países de língua portuguesa crescem cada vez mais. O interesse chinês pelos recursos de países como o Brasil e Angola está claro nas trocas comerciais que Pequim tem feito com ambos. Ademais, a China está interessada numa plataforma de cooperação mais ampla e não tem apenas o comércio como ponto de referência.

 

Projetos chineses de ajuda na reconstrução da África e Timor-Leste são realizados por intermédio de Macau, a cidade chinesa em que o português também é idioma oficial e onde está sediado o Secretariado Permanente do Fórum para a Cooperação Econômica e Comercial entre a China e os Países de Língua Portuguesa, constituindo-se Macau como a plataforma de cooperação econômica e comercial com os países desse grupo.

O governo chinês promove periodicamente cursos de formação, destinados aos técnicos de diversas áreas dos países de língua portuguesa para maior e melhor conhecimento da realidade do país. Com isso, são estreitadas as relações cooperativas.

Nesta sexta e sábado, o presidente Hu Jintao (atual presidente da China), realiza visita oficial a Portugal, acompanhado de forte delegação de políticos e empresários, sendo a cooperação entre os países lusófonos um dos temas na pauta deste encontro bilateral.

Tags:
Daniela Alves - Analista CEIRI - MTB: 0069500SP

Mestre em Medicina pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Bacharel em Relações Internacionais, jornalista e Especialista em Cooperação Internacional. Atualmente é CEO do Centro de Estratégia, Inteligência e Relações Internacionais (CEIRI) e Editora-Chefe do CEIRI NEWSPAPER. Vencedora de vários prêmios nacionais e internacionais da área dos Direitos Humanos. Já palestrou em várias cidades e órgãos de governo do Brasil e do Mundo sobre temas relacionados a profissionalização da área de Relações Internacionais, Paradiplomacia, Migrações, Tráfico de Seres Humanos e Tráfico de órgãos. Trabalhou na Coordenadoria de Convênios Internacionais da Secretaria Municipal do Trabalho de São Paulo e na Assessoria Técnica para Assuntos Internacionais da Secretaria do Emprego e Relações do Trabalho do Governo do Estado de SP. Atuou como Diretora Executiva Adjunta e Presidente do Comitê de Coordenação Internacional da Brazil, Russia, India, China, Sounth Africa Chamber for Promotion an Economic Development (BRICS-PED).

  • 1

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.