LOADING

Type to search

As críticas do novo embaixador dos Estados Unidos no Haiti

Share

O novo embaixador dos Estados Unidos, recém chegado ao país, comprometeu-se numa conferência de imprensa, em 28 de agosto, a perseguir a cooperação entre os dois países nos campos já estabelecidos: tráfico de drogas; luta contra o HIV; cooperação com a polícia nacional. Ele aproveitou para formular duras críticas contra o governo haitiano sobre esta cooperação.

 

Segundo o embaixador, o atual governo deve respeitar seus compromissos no marco desta cooperação, sendo importante corrigir algumas falhas. Seguiu dizendo que o cidadão americano é muito interessado pelos resultados da cooperação.

Na opinião de muitos analistas, o governo haitiano não é o único responsável sobre os poucos resultados gerados por esta política de cooperação. Os Estados Unidos têm uma responsabilidade ainda maior, pois porção considerável desta cooperação é gerida por técnicos e ONGs norte-americanas através de projetos assistencialistas sem impactos concretos sobre a população. Todas as críticas, para ter credibilidade, devem considerar esses dois aspectos.

 

ORIGINAL

 POLÍTICA INTERNACIONAL: Haití Cooperación: Criticas del Nuevo Embajador de los Estados Unidos

 El nuevo embajador de los Estados Unidos, recién llegado al país,  en una conferencia de prensa el viernes 28 de agosto,  comprometo a perseguir la cooperación entre los dos países en los campos ya establecidos: el trafico  de  droga, la lucha en contra del VIH, la cooperación con la policía nacional.  El aprovechó para formular duras críticas en contra del gobierno haitiano acerca de esta cooperación.

Según el embajador, el actual gobierno  debe  respectar sus compromisos en el marco de esta cooperación. Es importante de corregir algunas fallas. Sigue diciendo que el ciudadano americano es muy interesado por los resultados de esta cooperación.

En opinión de muchos analistas, el gobierno haitiano no tiene solamente la culpa de los pocos resultados generados por esta política de cooperación. Los Estados Unidos tienen una responsabilidad aun mayor, una porción considerable   de esta cooperación es gestionada por  técnicos y ONG norteamericanas a través de proyectos asistencialistas sin impactos concretos sobre la población. Pues todas críticas para que tengan credibilidad,  deben considerar estos dos factores.

Tags:
Jean Garry - Porto Príncipe (Haiti)

De nacionalidade haitiana, é formado em Marketing pela Universidad Interamericana de Santo Domingo, possui Pós-Graduação em Gestão de Projetos Sociais pela Universidad Autónoma de Santo Domingo e Mestrado em Economia pela Universidad Internacional de Andalucía (Espanha). É graduado no Curso de Gerenciamento Social do Instituto de Desenvolvimento Social (INDES) do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) em Washington, e do curso Gestão Estratégica do Desenvolvimento Social e Regional da Comissão Econômica para América Latina (CEPAL) em Santiago do Chile. Tem experiência como Gerente de Marketing em diversas empresas privadas e trabalhou como consultor em Desenvolvimento Comunitário do Ministério de Obras Públicas do Haiti e em diversos projetos de desenvolvimento.

  • 1

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

×
Olá!