LOADING

Type to search

Brasil e Espanha deverão priorizar as áreas da saúde e energia para cooperação bilateral

Share

No início da semana, Brasil e Espanha definiram as áreas da saúde e energia como prioridades dos governos em suas políticas de ciência e tecnologia. De acordo com comunicado oficial do “Ministério da Ciência e Tecnologia” (MCT) os dois países buscam aumentar a cooperação científica e tecnológica para impulsionar o desenvolvimento da indústria e o crescimento da economia.

A “Ministra da Ciência e Inovação” da Espanha, Cristina Garmendia, destacou o “Sistema Brasileiro Tecnologia” (SIBRATEC) como um excelente modelo para que as pequenas empresas invistam em pesquisa e desenvolvimento. “Na Espanha o objetivo é transformar a C&T em rendimento. Queremos que a ciência e a tecnologia estejam presente nas empresas de diversos setores”, afirmou a Ministra.

Brasil e Espanha pretendem organizar um documento com projetos que podem ser ampliados e ter a participação de pesquisadores estrangeiros. Além dos setores de saúde e energia, as áreas de biotecnologia, biocombustíveis e nanotecnologia também devem ser beneficiadas com um acordo bilateral.

Tags:
Daniela Alves - Analista CEIRI - MTB: 0069500SP

Mestre em Medicina pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Bacharel em Relações Internacionais, jornalista e Especialista em Cooperação Internacional. Atualmente é CEO do Centro de Estratégia, Inteligência e Relações Internacionais (CEIRI) e Editora-Chefe do CEIRI NEWSPAPER. Vencedora de vários prêmios nacionais e internacionais da área dos Direitos Humanos. Já palestrou em várias cidades e órgãos de governo do Brasil e do Mundo sobre temas relacionados a profissionalização da área de Relações Internacionais, Paradiplomacia, Migrações, Tráfico de Seres Humanos e Tráfico de órgãos. Trabalhou na Coordenadoria de Convênios Internacionais da Secretaria Municipal do Trabalho de São Paulo e na Assessoria Técnica para Assuntos Internacionais da Secretaria do Emprego e Relações do Trabalho do Governo do Estado de SP. Atuou como Diretora Executiva Adjunta e Presidente do Comitê de Coordenação Internacional da Brazil, Russia, India, China, Sounth Africa Chamber for Promotion an Economic Development (BRICS-PED).

  • 1

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

×
Olá!