LOADING

Type to search

Expectativa de crescimento indiano e cooperação no campo das alterações climáticas

Share

Ontem, dia 21 de outubro, a mídia local indiana divulgou uma estimativa do Conselho Econômico do Governo indiano sobre a expectativa de crescimento do país, em 6,5%, até o final deste ano (2009).

 

Esta é a meta que foi aconselhada pelo primeiro-ministro indiano, Manmohan Singh, sobre política econômica, apontando para um crescimento entre 6,25 e 6,7 por cento, para o ano fiscal que termina no dia 31 de Março de 2010.

A economia indiana cresceu no ano passado 6,7%, nitidamente abaixo dos 9% de crescimento anual, com relação aos registros dos três anos anteriores à crise econômica mundial.

Além das expectativas de crescimento anual, a terceira maior potência da Ásia (a Índia) também assinou, ontem, dia 21 de outubro,em Nova Deli, um acordo de cooperação com a China, que tem como matéria as alterações climáticas, o qual permitirá a troca de informações sobre este domínio durante os próximos cinco anos.

Xie Zhenhua, ministro da Comissão Chinesa para Reformas e o Desenvolvimento afirmou no ato da assinatura do acordo: “Consideramos a Índia um amigo sincero e dedicado e este protocolo para um acordo sobre as alterações climáticas vai avançar com a nossa cooperação neste domínio“.

Esta parceria entre a China e a Índia prevê a criação de um grupo de trabalho conjunto para o tema do aquecimento global, uma vez que ambos Estados integram o grupo de países mais poluentes do mundo e recusaram as metas para redução de emissão de gases com a alegação de que isso prejudicaria o crescimento econômico dos países e dificultará o combate à pobreza.

Tags:
Fabricio Bomjardim - Analista CEIRI - MTB: 0067912SP

Bacharel em Relações Internacionais (2009) e técnico em Negociações Internacionais (2007) pela Universidade Anhembi Morumbi (UAM). Atua na área de Política Econômica com foco nos países do sudeste e leste asiático, sendo referência em questões relacionadas a China. Atualmente é membro da Júnior Chamber International Brasil-China, promovendo as relações sócio-culturais sino-brasileiras em São Paulo e Articulista da Revista da Câmara de Comércio BRICS. Também atuou como Consultor de Câmbio no Grupo Confidence.

  • 1

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

×
Olá!