LOADING

Type to search

Share

Em 2010, a assinatura do documento de Projeto de Cooperação Técnica (PCT) marcou o início do Projeto de Cooperação Trilateral BrasilPeruAlemanha, tendo como resultado a criação do Centro de Tecnologias Ambientais (CTA), inaugurado no dia 21 de março de 2015, no Peru[1].

O Centro tem como objetivo apoiar o Serviço Nacional de Treinamento Industrial (SENATI) peruano a estabelecer um núcleo especializado na formação profissional e prestação de serviços ambientais.

De acordo com informações da Agência Brasileira de Cooperação (ABC)[1], do lado brasileiro, o conhecimento técnico foi desenvolvido pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI) e por sua Unidade de Tecnologias Ambientais localizada no Estado da Bahia (SENAI-BA), que trabalharam sob orientação e coordenação da ABC. A cooperação brasileira incluiu a mobilização de especialistas, a promoção de visitas técnicas, a aquisição de equipamentos e materiais para os laboratórios e para a formação de quadros próprios no CTA.

Em nome do Ministério Federal da Cooperação Econômica e do Desenvolvimento (BMZ) da Alemanha, a Deutsche Gesellschaft für Internationale Zusammenarbeit (GIZ) apoia a instalação do CTA através do estabelecimento de novas redes internacionais e parcerias, inclusive com o setor privado. Ela contribui também para a ampliação do leque de serviços oferecidos e para a qualificação de profissionais nas áreas de qualidade do ar, Mecanismos de Desenvolvimento Limpo (MDL), solos e recuperação de áreas degradadas, assim como eficiência energética, energias renováveis e inovações tecnológicas no campo ambiental[2].

O Projeto contribui para a ampliação da oferta de serviços e cursos de formação e treinamento profissional adaptado às exigências do mercado para empresas peruanas que operam no setor das tecnologias ambientais. Os serviços previstos abrangem desde a oferta de medidas de assessoramento e exames laboratoriais até a pesquisa aplicada2].

——————————————————————————————-

Imagem (Fonte):

http://www.abc.gov.br/api/noticiaimagem/612/pq

——————————————————————————————-

Fontes Consultadas:

[1] Ver:

http://www.abc.gov.br/imprensa/mostrarnoticia/612

[2] Ver:

http://www.giz.de/de/downloads/giz2014-pt-centro-tecnologies-brasil-peru-alemanha.pdf

Daniela Alves - Analista CEIRI - MTB: 0069500SP

Mestre em Medicina pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Bacharel em Relações Internacionais, jornalista e Especialista em Cooperação Internacional. Atualmente é CEO do Centro de Estratégia, Inteligência e Relações Internacionais (CEIRI) e Editora-Chefe do CEIRI NEWSPAPER. Vencedora de vários prêmios nacionais e internacionais da área dos Direitos Humanos. Já palestrou em várias cidades e órgãos de governo do Brasil e do Mundo sobre temas relacionados a profissionalização da área de Relações Internacionais, Paradiplomacia, Migrações, Tráfico de Seres Humanos e Tráfico de órgãos. Trabalhou na Coordenadoria de Convênios Internacionais da Secretaria Municipal do Trabalho de São Paulo e na Assessoria Técnica para Assuntos Internacionais da Secretaria do Emprego e Relações do Trabalho do Governo do Estado de SP. Atuou como Diretora Executiva Adjunta e Presidente do Comitê de Coordenação Internacional da Brazil, Russia, India, China, Sounth Africa Chamber for Promotion an Economic Development (BRICS-PED).

  • 1

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

×
Olá!