LOADING

Type to search

Share

A “2.ª Conferência Internacional sobre o Futuro da Língua Portuguesa no Sistema Mundial”, que ocorrerá de 29 e 30 de outubro de 2013, realizará um balanço dos resultados do “Plano de Ação de Brasília”, definido na “I Conferência sobre o Futuro da Língua Portuguesa”, realizada em 2010, no Brasil. O evento também tem como objetivo conhecer perspectivas e projetar ações sobre relação entre a “Língua Portuguesa” e a divulgação do conhecimento e da inovação por todo o mundo.

Em conferência de imprensa[2], Murade Murargy, “Secretário Executivo” da “Comunidade dos Países de Língua Portuguesa” (CPLP), declarou que houve um avanço relacionado com a internacionalização da língua nos organismos internacionais.

Nos organismos internacionais, como a “União Africana”, a “Comunidade Econômica dos Estados da África Ocidental” (CDAO) e a “Comunidade para o Desenvolvimento da África Austral” (SADC), a língua portuguesa já está sendo utilizada como língua de trabalho ou como língua oficial tanto na interpretação como na documentação. Nas “Nações Unidas”, em “Nova Iorque” e em Genebra foram garantidos os serviços de interpretação e tradução para o português. Também serão apresentados os fortes investimentos chineses no ensino da língua portuguesa por conta de seus interesses econômicos no espaço da CPLP.

O “Secretário Executivo da CPLP” também destaca que, apesar dos avanços alcançados desde 2010, existem objetivos do “Plano de Ação de Brasília” que não foram cumpridos e entre os maiores desafios da organização estão os objetivos financeiros. O Secretário informou que os gastos para a difusão do idioma são altos e os países da região no momento não possuem capacidade financeira para o fazer de forma consistente. Logo, será colocada à mesa a capacidade financeira da CPLP em suportar projetos que necessitam financiamentos para resultados em longo prazo.

——————————————-

Fontes Consultadas:

[1] Ver:

http://www.conferencialp.org/

[2] Ver:

http://www.tvciencia.pt/tvcnot/pagnot/tvcnot03.asp?codpub=33&codnot=26

Enhanced by Zemanta
Tags:
Daniela Alves - Analista CEIRI - MTB: 0069500SP

Mestre em Medicina pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Bacharel em Relações Internacionais, jornalista e Especialista em Cooperação Internacional. Atualmente é CEO do Centro de Estratégia, Inteligência e Relações Internacionais (CEIRI) e Editora-Chefe do CEIRI NEWSPAPER. Vencedora de vários prêmios nacionais e internacionais da área dos Direitos Humanos. Já palestrou em várias cidades e órgãos de governo do Brasil e do Mundo sobre temas relacionados a profissionalização da área de Relações Internacionais, Paradiplomacia, Migrações, Tráfico de Seres Humanos e Tráfico de órgãos. Trabalhou na Coordenadoria de Convênios Internacionais da Secretaria Municipal do Trabalho de São Paulo e na Assessoria Técnica para Assuntos Internacionais da Secretaria do Emprego e Relações do Trabalho do Governo do Estado de SP. Atuou como Diretora Executiva Adjunta e Presidente do Comitê de Coordenação Internacional da Brazil, Russia, India, China, Sounth Africa Chamber for Promotion an Economic Development (BRICS-PED).

  • 1

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

×
Olá!