LOADING

Type to search

Dificuldade em obter licenciamento ambiental para projetos no Brasil faz empresa brasileira redirecionar seus investimentos aos países africanos

Share

A “Vale BSGR Limited”, joint venture que a companhia brasileira mantém com a “BSG Resources”, assinou um Acordo com o governo da Libéria para a implementação de um projeto de infra-estrutura neste país, abrangendo, principalmente, o desenvolvimento, o financiamento, a operação e o uso de nova ferrovia e porto. A Libéria localiza-se na África Ocidental, fazendo fronteira ao norte com Serra Leoa e com a Guiné. A leste faz fronteira com a Costa do Marfim. Ao sul e ao oeste é limitada pelo “Oceano Atlântico”.

O objetivo da “Vale BSGR Limited” é o escoamento da produção de minério de ferro dos seus projetos na região de Simandou, na Guiné. O Acordo prevê ainda o compromisso do governo da Libéria de facilitar outro Acordo para a “Vale BSGR Limited” ter acesso à ferrovia e à infra-estrutura portuária existente no país, até que os novos projetos de infra-estrutura estejam concluídos.

Devido às dificuldades em obter licenciamento ambiental para alguns de seus projetos no Brasil, a mineradora está buscando diversificar, investindo em outras regiões. Além do Acordo mencionado, a empresa brasileira pretende investir US$ 5 bilhões na Guiné, nos próximos anos.

Tags:
Daniela Alves - Analista CEIRI - MTB: 0069500SP

Mestre em Medicina pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Bacharel em Relações Internacionais, jornalista e Especialista em Cooperação Internacional. Atualmente é CEO do Centro de Estratégia, Inteligência e Relações Internacionais (CEIRI) e Editora-Chefe do CEIRI NEWSPAPER. Vencedora de vários prêmios nacionais e internacionais da área dos Direitos Humanos. Já palestrou em várias cidades e órgãos de governo do Brasil e do Mundo sobre temas relacionados a profissionalização da área de Relações Internacionais, Paradiplomacia, Migrações, Tráfico de Seres Humanos e Tráfico de órgãos. Trabalhou na Coordenadoria de Convênios Internacionais da Secretaria Municipal do Trabalho de São Paulo e na Assessoria Técnica para Assuntos Internacionais da Secretaria do Emprego e Relações do Trabalho do Governo do Estado de SP. Atuou como Diretora Executiva Adjunta e Presidente do Comitê de Coordenação Internacional da Brazil, Russia, India, China, Sounth Africa Chamber for Promotion an Economic Development (BRICS-PED).

  • 1

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

×
Olá!