LOADING

Type to search

Tecnologias da Alemanha para a Infra-Estrutura do Porto de Santos

Share

Durante o workshop “Tecnologias da Alemanha para a Infra-Estrutura do Porto de Santos”, realizado no dia 20 de outubro, em Santos, São Paulo (Brasil), o “Ministro da Secretaria Especial de Portos” (SEP), Pedro Brito, anunciou que o “Porto de Santos” deverá receber tecnologia alemã para auxiliar na resolução dos problemas existentes de acessibilidade.

A nossa expectativa é que o governo da Alemanha, que está trazendo aqui uma grande comitiva de empresários, possa oferecer para nós o que mais estamos precisando no momento, que é uma alternativa para viabilizar a acessibilidade terrestre ao Porto de Santos”, declarou o ministro, citado pela “Agência Estado”.

Segundo Brito, a SEP recebeu um “projeto conceitual” de soluções para o acesso rodoviário ao Porto de Santos. “Nós vamos naturalmente avaliar [os estudos] e depois discutir com o próprio governo da Alemanha essas alternativas”, declarou Brito.

A plataforma logística do [porto alemão] Duisburg é uma plataforma cujo modelo nos interessa implantar em Santos. O modelo é se retirar da Baixada Santista o congestionamento que nós temos de caminhões e também, por conseqüência, o congestionamento eventual de navios porque tudo isso implica em custos adicionais para nossa matriz exportadora e também importadora. O que nós queremos é criar plataformas logísticas fora da cidade que terão acesso, por exemplo, através de barcaças e ao invés de nós termos aqui só caminhões chegando para carregar e descarregar contêineres, essas barcaças podem substituir 75 caminhões de uma vez só”, concluiu.

Tags:
Daniela Alves - Analista CEIRI - MTB: 0069500SP

Mestre em Medicina pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Bacharel em Relações Internacionais, jornalista e Especialista em Cooperação Internacional. Atualmente é CEO do Centro de Estratégia, Inteligência e Relações Internacionais (CEIRI) e Editora-Chefe do CEIRI NEWSPAPER. Vencedora de vários prêmios nacionais e internacionais da área dos Direitos Humanos. Já palestrou em várias cidades e órgãos de governo do Brasil e do Mundo sobre temas relacionados a profissionalização da área de Relações Internacionais, Paradiplomacia, Migrações, Tráfico de Seres Humanos e Tráfico de órgãos. Trabalhou na Coordenadoria de Convênios Internacionais da Secretaria Municipal do Trabalho de São Paulo e na Assessoria Técnica para Assuntos Internacionais da Secretaria do Emprego e Relações do Trabalho do Governo do Estado de SP. Atuou como Diretora Executiva Adjunta e Presidente do Comitê de Coordenação Internacional da Brazil, Russia, India, China, Sounth Africa Chamber for Promotion an Economic Development (BRICS-PED).

  • 1

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

×
Olá!