LOADING

Type to search

[:pt]FARC articulam-se para serem Partido Político em 2017[:]

Share

[:pt]

Mais um desdobramento do Acordo de Paz entre a Colômbia e os guerrilheiros das Farc está ocorrendo na Conferência que está sendo realizada na remota localidade de El Diamante nos Llanos del Yarí, na cidade colombiana de San Vicente Del Caguan, situada a sudeste do país, e reduto da guerrilha.

A Conferência, promovida pelas próprias Farc, foi convocada com o intuito de ratificar e discutir com os membros da Guerrilha o Acordo de Paz que já foi acertado entre as duas partes envolvidas (Governo colombiano e Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia), além de firmarem que continuarão com a luta por justiça social, através de Assento no Congresso Nacional, transformando o Grupo Guerrilheiro em um Partido Político com a pretensão de participar das Eleições Legislativas e Presidenciais de 2018.

O Partido Político deve ser lançado oficialmente até o dia 27 de maio de 2017, data em que o Acordo deverá ter sido cumprido com o Governo da Colômbia. Após essa data, as Farc também já devem ter terminado as três fases da entrega das suas armas e já terão dissolvido a Cúpula do movimento como se configura atualmente. Tal data (27 de maio) foi escolhida em virtude do dia “27 de maio de 1964”, momento em que o movimento guerrilheiro foi fundado com esse nome.

O Congresso, que se iniciou em 18 de setembro (domingo passado), tem marcado para terminar no dia 23 de setembro, amanhã, sexta-feira. Estão reunidos os líderes da guerrilha e 200 representantes das mais de 80 frentes espalhadas pelo país.

Este é o décimo Congresso das Farc e, como feito histórico, será aberto à imprensa pela primeira vez. Vale ressaltar que, no passado, essas reuniões eram secretas e usadas para decidir estratégias de batalhas. O Congresso que está acontecendo atualmente tem a finalidade de oferecer à comunidade internacional o novo panorama político das Farc, que será estreado nas próximas eleições.

A programação do encontro reflete a agenda de negociações de paz, incluindo a reforma agrária e questões ambientais. Para essa nova empreitada, o grupo têm como agenda política a luta pelos agricultores pobres e esquerdistas comprometidos. Já no segundo dia de reuniões, o líder do movimento de paz, Iván Márquez, afirmou estar satisfeito. Declarou: “Estamos sentindo um apoio muito forte a todo o trabalho que realizamos em Havana. É um apoio total, o qual alcançamos na mesa de negociações”.

Como resultado do evento, as Farc devem anunciar nos próximos dias os nomes que irão encabeçar esse novo Partido Político e que lhes representarão no Congresso, com voz, mas sem voto, nos debates que acontecerão pela implementação do Acordo, algo que poderá tornar-se efetivo se aprovado pelos colombianos em um plebiscito que ocorrerá no próximo dia 2 de outubro.

Tudo está sendo encaminhado para que o dia 2 de outubro de 2016 seja uma data histórica para a paz na América Latina, sobretudo na Colômbia, que há muito almeja essa harmonia desejada pelos colombianos e por toda a comunidade internacional.

———————————————————————————————–                    

ImagemForças Armadas Revolucionárias da Colômbia” (Fonte):

https://pt.wikipedia.org/wiki/For%C3%A7as_Armadas_Revolucion%C3%A1rias_da_Col%C3%B4mbia

[:]

Jamile Calheiros - Colaboradora Voluntária

Bacharel em Relações Internacionais e Direito, com especializações em Direito Público Municipal e em Política e Estratégia. Aluna especial no Mestrado Acadêmico em Administração pela UFBa. Possui experiência na área jurídica adquirida em estágios em escritórios de advocacia, Petrobrás, Assembléia Legislativa e Câmara dos Deputados. Tem experiência internacional, em Dublin – Irlanda. Diretora Institucional da BBOSS. Voluntária [email protected] - Project Management Institute – Capítulo Bahia, Diretoria de Alianças e parcerias desde Agosto de 2015.

  • 1

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

×
Olá!