LOADING

Type to search

Governo de Okinawa revoga autorização para a construção de nova Base Militar estadunidense

Share

A autorização de aterramento da baía de Henoko, em Nago (Okinawa), para a transferência da Base Aérea de Futenma, atualmente localizada na cidade de Ginowan, foi revogada pelo governo da Província no dia 31 de agosto. O governo de Okinawa alega ilegalidade no procedimento das obras e argumenta que as devidas precauções para a proteção do meio ambiente não estão sendo tomadas, principalmente com o recém descoberto solo macio, a cerca de 40 metros de profundidade no fundo do mar da área designada. 

Cartazes de protestos contra a base de Henoko

A recolocação da Base Aérea de Futenma tem como objetivo situá-la em uma área menos populosa e acarretar menos danos à população, e tem sido uma questão controversa. A autorização para o aterro de Henoko havia sido concedida em 2013 pelo então governador Hirokazu Nakaima, apesar de ter sido eleito com uma campanha contra esta Base americana. A administração governamental posterior, de Takeshi Onaga, revogou a autorização em 2015, entretanto, o governo central japonês recorreu e o Supremo Tribunal anulou a decisão em 2016, permitindo que as obras fossem iniciadas em abril do mesmo ano.

A atual revogação foi realizada pelo vice-governador Moritake Tomikawa e pelo governador adjunto Kiichiro Jahana, seguindo a intenção do governador Onaga, que faleceu dia 8 de agosto deste ano (2018), de suspender as obras na ilha, que já concentra aproximadamente 70% de todas as Bases norte-americanas no Japão, ocupando 20% de seu território. Espera-se que o Governo central recorra novamente, iniciando mais uma batalha judicial.

———————————————————————————————–

Fontes das Imagens:

Imagem 1 Visão aérea da base de Futenma” (Fonte):

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Marine_Corps_Air_Station_Futenma_20100526.jpg

Imagem 2 Cartazes de protestos contra a base de Henoko” (Fonte):

https://en.wikipedia.org/wiki/Relocation_of_Marine_Corps_Air_Station_Futenma#/media/File:Henoko,_Nago,_Okinawa_02.jpg

Raquel Iraha - Colaboradora Voluntária

Bacharela em Relações Internacionais pela Universidade Católica de Santos (UNISANTOS) e integrante do grupo de pesquisa sobre Governança Global da mesma instituição. Teve duas experiências internacionais no Japão: Okinawa, para estudos culturais (bolsa cultural em 2016) e Hiroshima, participando do curso de verão sobre Hiroshima e Paz na Hiroshima City University (bolsa pela Mayors for Peace como representante da cidade de Santos, em 2018).

  • 1

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

×
Olá!