LOADING

Type to search

Japão critica “Coreia do Norte” na “2ª Cúpula Nuclear” de Seul

Share

Na terça feira, dia 27 de março de 2012, teve fim em Seul a “Segunda Cúpula Nuclear”, que reuniu mais de 50 líderes mundiais a fim de debater formas de se evitar que materiais atômicos sejam possuídas por agentes inadequados, principalmente atores não-estatais. O comunicado final, contudo, não trouxe grandes avanços. Os mais urgentes assuntos do tema, como as questões envolvendo a Coréia do Norte e o Irã, não estavam na pauta de discussões e estes nem foram convidados para o debate.

 

Na terça-feira, o destaque foi o Japão, que criticou Pyongyang abertamente em torno do lançamento futuro de um foguete, que poderá ser um teste balístico. Segundo reportagem da agência Reuters, Pyongyang foi duramente criticada pelos corredores do Evento, inclusive pela China, que possui relações próximas com o país.

O Primeiro-Ministro japonês, Yoshihiko Noda, ignorou o protocolo e pediu à “comunidade internacional” que exigisse moderação da “Coreia do Norte”. Afirmou: “O planejado lançamento de míssil que a Coreia do Norte anunciou recentemente iria contra o esforço de não-proliferação nuclear da comunidade internacional e violaria as resoluções do Conselho de Segurança da ONU”*.

Outros participantes não falaram abertamente sobre o assunto, uma vez que ele não estava na pauta do Evento. Na semana passada, Pyongyang alertou que encararia a Cúpula como uma provocação, caso abordasse seu “Programa Nuclear”.

——————

Fonte:

* Ver:

http://noticias.terra.com.br/mundo/noticias/0,,OI5687582-EI8143,00-Japao+sai+do+roteiro+e+critica+Coreia+do+Norte+em+cupula+nuclear.html

——————

Imagem:

http://noticias.br.msn.com/artigo.aspx?cp-documentid=33039324

Tags:

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

×
Olá!