LOADING

Type to search

Japão solicita apoio de Portugal para ser Observador Associado da CPLP

Share

No dia 2 de maio, o primeiro-ministro japonês Shinzo Abe foi recebido[1] em Lisboa pelo Presidente da República de Portugal, Cavaco Silva. Durante a noite, esteve com o primeiro-ministro, Passos Coelho.

Nesta primeira visita oficial a Portugal, Shinzo Abe manifestou o interesse[2] de seu país em ingressar com o pedido de Estatuto de Observador para a Comunidades dos Países de Língua Portuguesa (CPLP). O Premiê japonês solicitou que Portugal interceda nesta aspiração. O Japão quer fortalecer a parceria com a CPLP, pois está aumentando sua presença nos países de língua oficial portuguesa localizados na África e América Latina.

Portugal expressou total apoio a pretensão japonesa e deverá auxiliar no que for necessário para que obtenha o “Estatuto da Observador” da CPLP. Neste momento, a CPLP tem 3 observadores associados[3]: (1) República da Guiné Equatorial; (2) República da Ilha Maurício e (3) República do Senegal.

Deve-se ressaltar que outros países ou regiões pleiteiam o estatuto de Observador Associado, como[4]: Andorra, Marrocos, Filipinas, Galícia, Malaca, Croácia, Romênia, Ucrânia, Indonésia, Venezuela e Uruguai. Macau e Goa pleiteiam o Estatuto de membro da CPLP.

——————————————–

Fontes Consultadas:

[1] Ver:

http://expresso.sapo.pt/primeiro-ministro-japones-em-portugal-durante-tres-dias=f868082

[2] Ver:

http://www.tsf.pt/PaginaInicial/Portugal/Interior.aspx?content_id=3841684&page=-1

[3] Ver:

http://www.cplp.org/id-50.aspx

[4] Ver:

http://eportuguese.blogspot.com.br/2011/02/os-observadores-associados-da-cplp.html

Daniela Alves - Analista CEIRI - MTB: 0069500SP

Mestre em Medicina pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Bacharel em Relações Internacionais, jornalista e Especialista em Cooperação Internacional. Atualmente é CEO do Centro de Estratégia, Inteligência e Relações Internacionais (CEIRI) e Editora-Chefe do CEIRI NEWSPAPER. Vencedora de vários prêmios nacionais e internacionais da área dos Direitos Humanos. Já palestrou em várias cidades e órgãos de governo do Brasil e do Mundo sobre temas relacionados a profissionalização da área de Relações Internacionais, Paradiplomacia, Migrações, Tráfico de Seres Humanos e Tráfico de órgãos. Trabalhou na Coordenadoria de Convênios Internacionais da Secretaria Municipal do Trabalho de São Paulo e na Assessoria Técnica para Assuntos Internacionais da Secretaria do Emprego e Relações do Trabalho do Governo do Estado de SP. Atuou como Diretora Executiva Adjunta e Presidente do Comitê de Coordenação Internacional da Brazil, Russia, India, China, Sounth Africa Chamber for Promotion an Economic Development (BRICS-PED).

  • 1

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.