LOADING

Type to search

OMS lança plano para eliminar a “gordura trans” do suprimento global de alimentos

Share

No dia 14 de maio, a Organização Mundial da Saúde (OMS) lançou um Guia chamado de REPLACE, com objetivo de, até o ano de 2023, eliminar do suprimento global de alimentos a “gordura trans” produzida industrialmente.

Logo da Organização Mundial da Saúde

Existem duas fontes principais de “gordura trans”: fontes naturais (nos produtos lácteos e carne de ruminantes, como vacas e ovelhas) e fontes produzidas industrialmente (óleos parcialmente hidrogenados), que servem para melhorar o sabor dos alimentos e aumentar o prazo de validade.

O site do Dr. Rocha lista alguns dos malefícios da “gordura trans” produzidas industrialmente:

  • Danificam o seu metabolismo, deixando ele lento e engordando o seu corpo, impossibilitando emagrecer com saúde;
  • Inflamam o seu corpo, abaixam o HDL (considerado bom colesterol) e aumentam as partículas pequenas de LDL (que inflamam o corpo e são fatores de risco para doença cardiovascular);
  • Podem causar com o tempo diabetes, obesidade, ataques cardíacos (infarto agudo do miocárdio), artrites e até cânceres de diversos tipos;

O Embaixador Global da OMS para Doenças Não Transmissíveis, Michael R. Bloomberg, afirmou que “uma abordagem abrangente do controle do tabaco nos permitiu fazer mais progresso globalmente na última década do que quase todos pensavam ser possível – agora, uma abordagem semelhante à gordura trans pode nos ajudar a fazer esse tipo de progresso contra as doenças cardiovasculares, outra das principais causas mundiais de morte evitável”.

O Guia da OMS (REPLACE) fornece um pacote de ação de seis etapas para apoiar os governos neste desafio:

  1. REview (rever) fontes alimentares de “gordura trans” produzidas industrialmente, bem como trabalhar com a perspectiva para a mudança política necessária.
  2. Promote (promover) a substituição de “gordura trans” produzida industrialmente por gorduras e óleos saudáveis.
  3. Legislate (legislar) ou promulgar ações reguladoras para eliminar a “gordura trans” produzida industrialmente.
  4. Assess (avaliar) e monitorar o conteúdo de “gordura trans” nos alimentos e as mudanças de seu consumo.
  5. Create (criar) entre os decisores políticos, os produtores, os fornecedores e o público a consciência sobre o impacto negativo na saúde, devido à ingestão de “gordura trans”.
  6. Enforce (implementar) políticas e regulamentos.

Acredita-se que as ações indicadas pela OMS certamente terão impacto em vários países com mudanças legislativas que afetarão diretamente a forma como as pessoas se alimentam, buscando priorizar a alimentação saudável como orientação estratégica dos Ministérios da Saúde pelo mundo.

———————————————————————————————–

Fontes das Imagens:

Imagem 1 Batata fritando” (Fonte):

https://www.nlcafe.hu/data/cikk/21/201486/3.jpg

Imagem 2 Logo da Organização Mundial da Saúde” (Fonte):

https://nutrimento.pt/activeapp/wp-content/uploads/2018/01/world-health-organization.png

Daniela Alves - Analista CEIRI - MTB: 0069500SP

Mestre em Medicina pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Bacharel em Relações Internacionais, jornalista e Especialista em Cooperação Internacional. Atualmente é CEO do Centro de Estratégia, Inteligência e Relações Internacionais (CEIRI) e Editora-Chefe do CEIRI NEWSPAPER. Vencedora de vários prêmios nacionais e internacionais da área dos Direitos Humanos. Já palestrou em várias cidades e órgãos de governo do Brasil e do Mundo sobre temas relacionados a profissionalização da área de Relações Internacionais, Paradiplomacia, Migrações, Tráfico de Seres Humanos e Tráfico de órgãos. Trabalhou na Coordenadoria de Convênios Internacionais da Secretaria Municipal do Trabalho de São Paulo e na Assessoria Técnica para Assuntos Internacionais da Secretaria do Emprego e Relações do Trabalho do Governo do Estado de SP. Atuou como Diretora Executiva Adjunta e Presidente do Comitê de Coordenação Internacional da Brazil, Russia, India, China, Sounth Africa Chamber for Promotion an Economic Development (BRICS-PED).

  • 1

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

×
Olá!