LOADING

Type to search

A vida política parou no Haiti para acompanhar o mundial de futebol

Share

O Presidente do Haiti, René Preval, que tem sido objeto de contestações políticas durante estes últimos meses, tem um mês de descanso com a celebração da “Copa do Mundo de Futebol”, na África do Sul. O Presidente terá certo conforto durante o mês que vai durar o evento e está planejando tomar decisões políticas importantes neste momento.

Porém, no sábado passado, por exemplo, os haitianos estavam mais preocupados com o encontro [jogo pela Copa] entre Nigéria e Argentina, do que com as questões políticas mais importantes no país e na comunidade haitiana no estrangeiro. O animador deste espaço tempo é que se tem um mês de férias, porque ninguém o escutará [o Presidente Preval] nestes momentos.

Um encontro de Brasil e da Argentina revolve tantas paixões quanto nestes próprios países.  Quase todos os carros do país [Haiti] têm bandeira brasileira ou argentina, para afirmar a preferência por uma ou por outra destas duas equipes.

É importante também dizer que este povo tem um comportamento muito espetacular. Analistas políticos pensam que haverá uma mudança de atitude da população com os atuais dirigentes, depois do mundial. Eles tomam como exemplo a mobilização dos haitianos que conduziu à renúncia antecipada do General Prosper Avril de seu cargo da Presidência da República, depois do carnaval, em março de 1988.

 ORIGINAL 

POLÍTICA Y COOPERACIÓN INTERNACIONAL – La vida política se para en Haití para el mundial

El presidente Preval quien ha sido objeto de contestas y manifestaciones políticas durante estos últimos meses tiene un mes descanso con la celebración de la  copa mundial de fútbol en Sudáfrica.  El Presidente Preval  tiene que ser confortable durante el mes que va a durar este evento y esta planeando tomar decisiones políticas importantes en este momento.

Por ejemplo, la emisión política más importante del país y en la comunidad haitiana en el extranjero no se ha realizado el sábado pasado, los haitianos estaban preocupados por el encuentro entre Nigeria y Argentina. El animador de este espacio se ha tomado un mes de vacaciones, porque nadie no lo hubiera escuchado en estos momentos. Un encuentro de Brasil o de Argentina subleva tantas pasiones quanto en estos propios países. Casi todos los carros en el país tienen una bandera brasileña o Argentina para afirmar una preferencia para uno u otro de estos dos equipos.

Es importante también decir que este pueblo tiene un comportamiento muy espectacular. Analistas políticas piensan que habrá   un cambio de  actitud de este pueblo después del mundial con los actuales dirigentes. Toman como ejemplo la movilización de los haitianos que condujeron a la  renuncia anticipada del General Prosper Avril de la Presidencia  después del carnaval en marzo del 1988.

Tags:
Jean Garry - Porto Príncipe (Haiti)

De nacionalidade haitiana, é formado em Marketing pela Universidad Interamericana de Santo Domingo, possui Pós-Graduação em Gestão de Projetos Sociais pela Universidad Autónoma de Santo Domingo e Mestrado em Economia pela Universidad Internacional de Andalucía (Espanha). É graduado no Curso de Gerenciamento Social do Instituto de Desenvolvimento Social (INDES) do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) em Washington, e do curso Gestão Estratégica do Desenvolvimento Social e Regional da Comissão Econômica para América Latina (CEPAL) em Santiago do Chile. Tem experiência como Gerente de Marketing em diversas empresas privadas e trabalhou como consultor em Desenvolvimento Comunitário do Ministério de Obras Públicas do Haiti e em diversos projetos de desenvolvimento.

  • 1

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.