LOADING

Type to search

“União Européia” dá sinais de recuo em relação ao Acordo com o MERCOSUL

Share

A “União Européia” (UE) começou a dar sinais de que dificultará a assinatura do Acordo com O “Mercado Comum do Sul” (MERCOSUL). Os franceses, capitaneados pelo seu “Ministro da Agricultura”, Bruno de la Maire, consideram que o acordo é extremamente prejudicial à agricultura francesa e européia, pois os países sul-americanos tem vantagens significativas em relação a carne bovina, suína, ao etanol, aves e ao açúcar, prejudicando diretamente cinco regiões da Espanha, a agricultura francesa e de mais dez países: Irlanda, Luxemburgo, Reino Unido, Bélgica, Áustria, Eslovênia, Suécia, Hungria, Chipre e  Polônia.

No comunicado realizado ontem, dia 6 de maio de 2010, do “Ministério Francês da Agricultura” e da “Comissão de Assuntos Europeus da Assembléia Nacional” (deputados) está explícitos que “A Comissão de Assuntos Europeus da Assembleia Nacional expressou uma opinião desfavorável sobre o descongelamento das negociações entre a União Europeia e os países do Mercosul para a conclusão de um acordo de livre comércio“.

Apesar de o Acordo ser comandado pela Espanha, grupos dentro do país também se opõem, baseando-se nos mesmos argumentos dos franceses. A razão do apoio espanhol ao Acordo com o MERCOSUL se deve ao fato de eles estarem centrados na questão da abertura para os produtos industrializados, mas sabem que para conseguirem um negócio positivo no planejamento geral, necessitarão de acertos em relação ao protecionismo existente no Bloco sul-americano, em especial da Argentina.

Tags:
Marcelo Suano - Analista CEIRI - MTB: 16479RS

É Fundador do CEIRI NEWSPAPER. Doutor e Mestre em Ciência Política pela Universidade em São Paulo e Bacharel em Filosofia pela USP, tendo se dedicado à Filosofia da Ciência. É Sócio-Fundador do CEIRI. Foi professor universitário por mais de 15 anos, tendo ministrado aulas de várias disciplinas de humanas, especialmente da área de Relações Internacionais. Exerceu cargos de professor, assessor de diretoria, coordenador de cursos e de projetos, e diretor de cursos em várias Faculdades. Foi fundador do Grupo de Estudos de Paz da PUC/RS, do qual foi pesquisador até o final de 2006. É palestrante da Associação dos Diplomados da Escola Superior de Guerra (ADESG-RS), tendo exercido também os cargos de Diretor de Cursos e Diretor do CEPE/CEPEG da ADESG de Porto Alegre. Foi Articulista do Broadcast da Agência Estado e do AE Mercado (Política Internacional), tendo dado assessoria para várias redes de jornal e TV pelo Brasil, destacando-se as atuações semanais realizadas a BAND/RS, na RBS/RS e TVCOM (Globo); na Guaíba (Record), Rádioweb; Cultura RS; dentre vários jornais, revistas e Tvs pelo Brasil. Trabalhou com assessoria e consultoria no Congresso Nacional entre 2011 e 2017. É autor de livros sobre o Pensamento Militar Brasileiro, de artigos em Teoria das Relações Internacionais e em Política Internacional. Ministra cursos e palestra pelo Brasil e no exterior sobre temas das relações internacionais e sobre o sistema político brasileiro.

  • 1

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

×
Olá!