LOADING

Type to search

Peru está sendo apontado como possível modelo dos próximos cinco anos

Share

O “Diretor do Departamento do Hemisfério Ocidental” do “Fundo Monetário Internacional” (FMI), Nicolas Eyzaguirre (chileno), apontou que o Peru liderará o crescimento econômico na América Latina até, pelo menos, 2015.

As razões apresentadas foram que o país está caminhando tranqüilo sem alardes e envolvimento em problemas internacionais de dimensões para as quais não tem suporte para arcar. Assim, tem se concentrado em realizar a tarefa de reorganização econômica e social do país, permitindo que a dinâmica da economia seja plena, já que está rompendo os entraves a iniciativa privada e aos investimentos no país.  

De acordo com o declarado, o Peru está conseguindo o crescimento (a previsão é de que dobre o produto interno bruto per capita do país) devido ao equilíbrio econômico que tem construído dando espaço à dinâmica privada, para permitir que a política fiscal não seja incompatível com a redução da pobreza.

Ou seja, o estímulo à iniciativa privada permite que se reduza paulatinamente a pobreza de forma estrutural, pois, no trabalho para a sua redução, não está ocorrendo o crescimento da dívida pública a um índice que seja insuportável no futuro.

Acreditam que os próximos passos serão buscar a criação de um Estado eficiente, reduzindo a burocracia (principalmente para a criação de novos empreendimentos), e investir na infra-estrutura, na ciência e na tecnologia. As apostas no sucesso peruano estão sendo altas.

Tags:
Marcelo Suano - Analista CEIRI - MTB: 16479RS

É Fundador do CEIRI NEWSPAPER. Doutor e Mestre em Ciência Política pela Universidade em São Paulo e Bacharel em Filosofia pela USP, tendo se dedicado à Filosofia da Ciência. É Sócio-Fundador do CEIRI. Foi professor universitário por mais de 15 anos, tendo ministrado aulas de várias disciplinas de humanas, especialmente da área de Relações Internacionais. Exerceu cargos de professor, assessor de diretoria, coordenador de cursos e de projetos, e diretor de cursos em várias Faculdades. Foi fundador do Grupo de Estudos de Paz da PUC/RS, do qual foi pesquisador até o final de 2006. É palestrante da Associação dos Diplomados da Escola Superior de Guerra (ADESG-RS), tendo exercido também os cargos de Diretor de Cursos e Diretor do CEPE/CEPEG da ADESG de Porto Alegre. Foi Articulista do Broadcast da Agência Estado e do AE Mercado (Política Internacional), tendo dado assessoria para várias redes de jornal e TV pelo Brasil, destacando-se as atuações semanais realizadas a BAND/RS, na RBS/RS e TVCOM (Globo); na Guaíba (Record), Rádioweb; Cultura RS; dentre vários jornais, revistas e Tvs pelo Brasil. Trabalhou com assessoria e consultoria no Congresso Nacional entre 2011 e 2017. É autor de livros sobre o Pensamento Militar Brasileiro, de artigos em Teoria das Relações Internacionais e em Política Internacional. Ministra cursos e palestra pelo Brasil e no exterior sobre temas das relações internacionais e sobre o sistema político brasileiro.

  • 1

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.