LOADING

Type to search

Secretário de Comércio dos EUA trata de acordos e defende reformas, mas não apresenta alternativa à retaliação brasileira

Share

Secretário de Comércio dos EUA, Gary Locke, reuniu-se com autoridades brasileiras, ontem, dia 9 de março de 2010, e apresentou sugestões, bem como indicou caminhos para incrementar as relações comercias entre os dois países, EUA e Brasil.

Dentro das sugestões, indicou que deveria ocorrer no Brasil uma reforma das políticas regulatórias e o crescimento das Parcerias Público-Privadas (PPPs). O tom da conversa foi à indicação do caminho para incrementar a produção, o capitalismo e reduzir as barreiras comerciais, estimulando o empresariado. Mostrou a necessidade de ocorrer a união do empresariado com o governo, numa política de liberalização.

No comunicado divulgado à imprensa, em nota emitida pela embaixada dos EUA, situada em Brasília, o Secretário afirmou: “Precisamos que os líderes empresariais se envolvam no processo de formulação de políticas, na defesa das parcerias público-privadas no Brasil e na comunicação com o governo brasileiro sobre a reforma de políticas regulatórias que visem a incentivar maior comércio e investimento”. Em nenhum momento foi tratada à retaliação de US$ 531 milhões que o Brasil aplicará ao seu país.

Analistas têm apontado que os Estados Unidos estão indicando o que exigirão para continuar a comerciar com o Brasil de forma harmônica. Ou seja, podem estar desconsiderando o contencioso atual e eles suportarão a carga pelo fato de terem uma parceria significativa com Brasil, algo que desejam respeitar e estimular.

Além disso, no futuro, podem responder ao Brasil no mesmo tom, levando a que os brasileiros sintam as conseqüências da medida adotada pelo seu governo. Mas é possível que desejem esperar para ver o que acontecerá em 2010 e não criar animosidades. Há ainda outra hipótese, a de o Secretário ter vindo para abrir o livro das negociações que continuarão ao longo dos próximos trinta dias.  

Tags:
Marcelo Suano - Analista CEIRI - MTB: 16479RS

É Fundador do CEIRI NEWSPAPER. Doutor e Mestre em Ciência Política pela Universidade em São Paulo e Bacharel em Filosofia pela USP, tendo se dedicado à Filosofia da Ciência. É Sócio-Fundador do CEIRI. Foi professor universitário por mais de 15 anos, tendo ministrado aulas de várias disciplinas de humanas, especialmente da área de Relações Internacionais. Exerceu cargos de professor, assessor de diretoria, coordenador de cursos e de projetos, e diretor de cursos em várias Faculdades. Foi fundador do Grupo de Estudos de Paz da PUC/RS, do qual foi pesquisador até o final de 2006. É palestrante da Associação dos Diplomados da Escola Superior de Guerra (ADESG-RS), tendo exercido também os cargos de Diretor de Cursos e Diretor do CEPE/CEPEG da ADESG de Porto Alegre. Foi Articulista do Broadcast da Agência Estado e do AE Mercado (Política Internacional), tendo dado assessoria para várias redes de jornal e TV pelo Brasil, destacando-se as atuações semanais realizadas a BAND/RS, na RBS/RS e TVCOM (Globo); na Guaíba (Record), Rádioweb; Cultura RS; dentre vários jornais, revistas e Tvs pelo Brasil. Trabalhou com assessoria e consultoria no Congresso Nacional entre 2011 e 2017. É autor de livros sobre o Pensamento Militar Brasileiro, de artigos em Teoria das Relações Internacionais e em Política Internacional. Ministra cursos e palestra pelo Brasil e no exterior sobre temas das relações internacionais e sobre o sistema político brasileiro.

  • 1

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.