LOADING

Type to search

Austrália ameaça multar chineses por derramamento de óleo

Share

A segurança marítima do Estado de Queensland, Austrália, informou que um navio cargueiro chinês já derramou entre duas a cinco toneladas de óleo na região costeira do país, podendo trazer sérios riscos ambientais.

O navio cargueiro Shen Neng encalhou na costa australiana no sábado, dia 3 de abril, e, segundo publicação do jornal “People`s Daily”, com base nas declarações de Anne Bligh, Premiê de Queensland, no domingo a embarcação chinesa aparentava que ia partir-se ao meio.

Autoridades australianas estão avaliando as condições do navio para que ele não parta ao meio, evitando maiores danos para sua região costeira. Se o derramamento de óleo prosseguir poderá atingir a região da Barreira de Corais, cartão postal australiano, considerada pela UNESCO como um “Patrimônio da Humanidade”.

Serão investigadas as acusações de que o navio havia passado por uma área restrita à navegação e se a velocidade estava além do permitido para a sua rota. Segundo Bligh, se comprovadas as acusações, a empresa “Shenzhen Energy Group”, do grupo “China Ocean Shipping” (Cosco) poderá ser multada em até US$ 920 mil.

Tags:
Fabricio Bomjardim - Analista CEIRI - MTB: 0067912SP

Bacharel em Relações Internacionais (2009) e técnico em Negociações Internacionais (2007) pela Universidade Anhembi Morumbi (UAM). Atua na área de Política Econômica com foco nos países do sudeste e leste asiático, sendo referência em questões relacionadas a China. Atualmente é membro da Júnior Chamber International Brasil-China, promovendo as relações sócio-culturais sino-brasileiras em São Paulo e Articulista da Revista da Câmara de Comércio BRICS. Também atuou como Consultor de Câmbio no Grupo Confidence.

  • 1

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

×
Olá!