LOADING

Type to search

Share

O governo chinês anunciou na semana passada, dia 22 de setembro, o donativo de 7,5 milhões de dólares para que os executivos chineses e cabo-verdianos invistam em diversificados setores a serem definidos em reuniões posteriores.

 

Zhai Jun, assistente de Negócios chinês, assinou o acordo junto com o secretário de Estado de Negócios Estrangeiros cabo-verdiano, Jorge Borges. Este pacote financeiro foi o maior acordo em nível governamental assinado pelos dois países.

A China tem uma série de projetos socioeconômicos no arquipélago de Cabo Verde, destacando a criação de áreas sociais de combate a pobreza; maternidades, centro de consultas e enfermaria do Hospital Agostinho Neto e escolas rurais.

A intenção de Zhai Jun é de que as autoridades cabo-verdianas impulsionem as empresas dos dois países a estudar novas formas de cooperação, destacando as áreas da pesca, infra-estrutura e telecomunicações.

Esse pacote cedido pelo governo chinês é importante para o avanço da cooperação empresarial de ambos os países e também para fortalecer ainda mais as relações diplomáticas entre os dois governos.

Tags:
Fabricio Bomjardim - Analista CEIRI - MTB: 0067912SP

Bacharel em Relações Internacionais (2009) e técnico em Negociações Internacionais (2007) pela Universidade Anhembi Morumbi (UAM). Atua na área de Política Econômica com foco nos países do sudeste e leste asiático, sendo referência em questões relacionadas a China. Atualmente é membro da Júnior Chamber International Brasil-China, promovendo as relações sócio-culturais sino-brasileiras em São Paulo e Articulista da Revista da Câmara de Comércio BRICS. Também atuou como Consultor de Câmbio no Grupo Confidence.

  • 1

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.