LOADING

Type to search

Cooperação militar com a CPLP é prioridade para as “Forças Armadas de Defesa de Moçambique”

Share

Moçambique assinou, no final de setembro, um acordo de cooperação com Angola nas áreas de segurança internacional, política de defesa, formação, missões de paz, operações humanitárias de busca e salvamento, desminagem, assistência médica, desporto e cultura. O acordo segue a linha de cooperação implantada pelas “Forças Armadas de Defesa de Moçambique” (FADM) junto a outros países, como Portugal e Brasil.

O “Diretor Adjunto da Política da Defesa Nacional” de Moçambique, o Coronel Manuel Mazuze, declarou à mídia de seu país que uma cooperação no domínio da Defesa com países da “Comunidade dos Países de Língua Portuguesa” (CPLP) permitiria reforçar a segurança regional e internacional, por isso, esta é uma questão prioritária na agenda das “Forças Armadas” moçambicanas.

Mazuze declarou que o acordo celebrado é a continuação e a consolidação da amizade fraterna e cooperação existentes entre Angola e Moçambique: “a nossa experiência neste contexto [de apoio às missões humanitárias e de socorro às populações em caso de ocorrência de desastres naturais] tem sido muito positiva, apesar dos constrangimentos decorrentes da insuficiência dos meios logísticos”.

Tags:
Daniela Alves - Analista CEIRI - MTB: 0069500SP

Mestre em Medicina pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Bacharel em Relações Internacionais, jornalista e Especialista em Cooperação Internacional. Atualmente é CEO do Centro de Estratégia, Inteligência e Relações Internacionais (CEIRI) e Editora-Chefe do CEIRI NEWSPAPER. Vencedora de vários prêmios nacionais e internacionais da área dos Direitos Humanos. Já palestrou em várias cidades e órgãos de governo do Brasil e do Mundo sobre temas relacionados a profissionalização da área de Relações Internacionais, Paradiplomacia, Migrações, Tráfico de Seres Humanos e Tráfico de órgãos. Trabalhou na Coordenadoria de Convênios Internacionais da Secretaria Municipal do Trabalho de São Paulo e na Assessoria Técnica para Assuntos Internacionais da Secretaria do Emprego e Relações do Trabalho do Governo do Estado de SP. Atuou como Diretora Executiva Adjunta e Presidente do Comitê de Coordenação Internacional da Brazil, Russia, India, China, Sounth Africa Chamber for Promotion an Economic Development (BRICS-PED).

  • 1

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

×
Olá!