LOADING

Type to search

CPLP debate livre circulação dos cidadãos lusófonos

Share

O Governo de Cabo Verde aprovou, na quinta-feira, dia 4 de março, um “Decreto-Lei” que estabelece a regularização da situação dos cidadãos originários da “Comunidade de Países de Língua Portuguesa” (CPLP)*.

De acordo com a porta-voz do “Conselho de Ministros” cabo-verdiano, Janira Hopffer Almada, “neste momento, estão em Cabo Verde 6455 estrangeiros em situação irregular. Desse número, 3059 são cidadãos da CPLP“.

Esta medida adotada pelo Governo de Cabo Verde suscitou o debate sobre a possibilidade de livre circulação dos cidadãos lusófonos no espaço da CPLP.

Em declarações à imprensa, no quadro da “II Assembléia Parlamentar da CPLP”, que Lisboa acolhe a partir de hoje, dia 8 de março de 2010, o embaixador de Angola em Portugal, Marcos Barrica, afirmou que a questão da livre circulação dos cidadãos lusófonos no âmbito da CPLP deve ser bem estudada, pois a realidade dos países membros é diferente.

—————————————————————————————————————————————-

* Fazem parte da CPLP: Angola, Moçambique, Guiné-Bissau, São Tomé e Príncipe, Cabo Verde, Brasil, Portugal e Timor-Leste.

Tags:
Daniela Alves - Analista CEIRI - MTB: 0069500SP

Mestre em Medicina pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Bacharel em Relações Internacionais, jornalista e Especialista em Cooperação Internacional. Atualmente é CEO do Centro de Estratégia, Inteligência e Relações Internacionais (CEIRI) e Editora-Chefe do CEIRI NEWSPAPER. Vencedora de vários prêmios nacionais e internacionais da área dos Direitos Humanos. Já palestrou em várias cidades e órgãos de governo do Brasil e do Mundo sobre temas relacionados a profissionalização da área de Relações Internacionais, Paradiplomacia, Migrações, Tráfico de Seres Humanos e Tráfico de órgãos. Trabalhou na Coordenadoria de Convênios Internacionais da Secretaria Municipal do Trabalho de São Paulo e na Assessoria Técnica para Assuntos Internacionais da Secretaria do Emprego e Relações do Trabalho do Governo do Estado de SP. Atuou como Diretora Executiva Adjunta e Presidente do Comitê de Coordenação Internacional da Brazil, Russia, India, China, Sounth Africa Chamber for Promotion an Economic Development (BRICS-PED).

  • 1

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.