LOADING

Type to search

Eurodeputados espanhóis realizaram duras críticas ao balanço da Presidência espanhola da União Européia

Share

Ontem, dia 6 de julho, os eurodeputados espanhóis, excluindo os socialistas, realizaram duras críticas ao balanço da Presidência espanhola da “União Européia” (UE) realizada pelo chefe do Executivo do país, José Luis Rodríguez Zapatero.

Zapatero compareceu perante o plenário do “Parlamento Europeu” (PE) e repassou os objetivos traçados e alcançados com todos os grupos, enfatizando o contexto difícil enfrentado pela Espanha.

O presidente espanhol declarou em entrevista coletiva ao fim do debate que “o Tratado de Lisboa funciona, fizemos ele funcionar; a união econômica avança, fizemos ela avançar; essa é a Presidência espanhola“. No debate, Zapatero destacou as melhorias no “Pacto de Estabilidade e Crescimento da UE” para poder, inclusive, sancionar os países que descumprirem seus compromissos.

Jaime Mayor Oreja, do “Partido Popular” (PP), considerou que Zapatero não poderia planejar a solução da crise “porque se transformou em parte do problema” e qualificou o semestre espanhol de “tristemente irrelevante“.

Em geral, os eurodeputados admitiram o papel difícil que tocou à Espanha, mas consideraram que Zapatero não cumpriu os objetivos.

Tags:
Daniela Alves - Analista CEIRI - MTB: 0069500SP

Mestre em Medicina pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Bacharel em Relações Internacionais, jornalista e Especialista em Cooperação Internacional. Atualmente é CEO do Centro de Estratégia, Inteligência e Relações Internacionais (CEIRI) e Editora-Chefe do CEIRI NEWSPAPER. Vencedora de vários prêmios nacionais e internacionais da área dos Direitos Humanos. Já palestrou em várias cidades e órgãos de governo do Brasil e do Mundo sobre temas relacionados a profissionalização da área de Relações Internacionais, Paradiplomacia, Migrações, Tráfico de Seres Humanos e Tráfico de órgãos. Trabalhou na Coordenadoria de Convênios Internacionais da Secretaria Municipal do Trabalho de São Paulo e na Assessoria Técnica para Assuntos Internacionais da Secretaria do Emprego e Relações do Trabalho do Governo do Estado de SP. Atuou como Diretora Executiva Adjunta e Presidente do Comitê de Coordenação Internacional da Brazil, Russia, India, China, Sounth Africa Chamber for Promotion an Economic Development (BRICS-PED).

  • 1

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.