LOADING

Type to search

Imprensa da Coréia do Norte insiste em troca de Armistício do passado por Acordo de Paz

Share

As tensões entre as duas Coréias são centro de atenção da imprensa do continente. Inúmeras especulações sobre tais tensões e sobre a participação dos militares norte-americanos são discutidos semanalmente.  Da mesma forma, a imprensa do país comunista também faz suas especulações.

O jornal oficial da Coréia do Norte, “Minju Choson”, insiste em um diálogo direto entre os Estados Unidos e Pyongyang para que seja substituído o Armistício acertado a 57 anos (1953), por um “Tratado de Paz” na região. O jornal discute as tensões entre os envolvidos e o contexto histórico, pois, desde o Acordo de 1953, a “paz” foi o que não ocorreu na península coreana.

A mídia local alega que a estabilidade na região só depende dos Estados Unidos e de sua “disposição” em negociar a Paz por outros caminhos, ao invés de “imposições” ao governo norte-coreano.

Atualmente, a situação apenas se agrava, pois ambos envolvidos estão em uma guerra psicológica, baseada em acusações e ameaças e com pouco desenvolvimento na negociação diplomática.

Tags:
Fabricio Bomjardim - Analista CEIRI - MTB: 0067912SP

Bacharel em Relações Internacionais (2009) e técnico em Negociações Internacionais (2007) pela Universidade Anhembi Morumbi (UAM). Atua na área de Política Econômica com foco nos países do sudeste e leste asiático, sendo referência em questões relacionadas a China. Atualmente é membro da Júnior Chamber International Brasil-China, promovendo as relações sócio-culturais sino-brasileiras em São Paulo e Articulista da Revista da Câmara de Comércio BRICS. Também atuou como Consultor de Câmbio no Grupo Confidence.

  • 1

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

×
Olá!