LOADING

Type to search

Na “LAAD 2011”, o Brasil tratou da defesa da Amazônia e da cooperação sub-regional e no hemisfério sul

Priscila Rodrigues Pereira 15 de abril de 2011
Share

Nelson Jobim, o ministro brasileiro da Defesa, participou durante esta semana da “LAAD – Defense & Security 2011”, a maior feira de tecnologia de defesa e segurança da América Latina, dando destaque aos temas abaixo.

(1) Sobre a intolerância a respeito da internacionalização da Amazônia, o Ministro afirmou que os países da América Latina saberão cuidar bem da região, não apenas para proteger seu povo, mas também para defender a humanidade.

(2) Falou sobre o uso de uma política de defesa adequada que concilie a tecnologia das “Forças Armadas”, a inteligência política e a eficiência militar.

(3) Assinou parceria entre Embraer (Brasileira) e FAdeA (empresa argentina) para produção do avião cargueiro KC-390 e para apoiar a cooperação militar entre os países sul-americanos com o objetivo de defender suas riquezas de solo e subsolo, especialmente a água, a produção agrícola e a capacidade energética.

(4) Jobim deu prosseguimento às diretrizes da “Estratégia Nacional de Defesa” que visa modernizar a “Força Aérea Brasileira”.

(5) Por fim, respeitando as linhas previstas no “Acordo de Cooperação de Defesa” assinado na “Estratégia da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa”, o Brasil firmou “Cooperação Técnica” com Angola para o levantamento da plataforma continental e demarcação de seu território submarino. A intenção é que a Angola possa reivindicar na ONU o reconhecimento da extensão de sua zona econômica exclusiva.

—————————————————————————————————————————————————

Fonte: Ministério da Defesa – www.defesa.gov.br

Tags:

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

×
Olá!