LOADING

Type to search

Share

Ontem, dia 4 de abril, o Ministério dos Negócios Estrangeiros da Coréia do Sul confirmou o seqüestro de um navio petroleiro no oceano índico. O navio, chamado de “Samho Dream” se dirigia do Iraque aos Estados Unidos quando foi “aparentemente seqüestrado por piratas somalis às 16:10 [horário local] de domingo” relata o comunicado do ministério sul-coreano.

De acordo com Seul, o petroleiro foi seqüestrado ao sudeste do golfo de Aden, região onde opera um navio da Marinha da Coréia do Sul em combate a pirataria. Na embarcação seqüestrada havia 24 tripulantes com cinco sul-coreanos e 19 filipinos.

As autoridades competentes informaram que já está sendo investigado o paradeiro da embarcação junto à empresa proprietária, a sul-coreana Samho Shipping.

Tags:
Fabricio Bomjardim - Analista CEIRI - MTB: 0067912SP

Bacharel em Relações Internacionais (2009) e técnico em Negociações Internacionais (2007) pela Universidade Anhembi Morumbi (UAM). Atua na área de Política Econômica com foco nos países do sudeste e leste asiático, sendo referência em questões relacionadas a China. Atualmente é membro da Júnior Chamber International Brasil-China, promovendo as relações sócio-culturais sino-brasileiras em São Paulo e Articulista da Revista da Câmara de Comércio BRICS. Também atuou como Consultor de Câmbio no Grupo Confidence.

  • 1

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.