LOADING

Type to search

Presidente da Argentina, Cristina Fernandez Kirchner, busca diálogo interno

Share

Após a derrota que o governo sofreu nas recentes eleições legislativas, a presidente da Argentina, Cristina Kirchner convocou todos os setores da sociedade para participar de um amplo diálogo com o intuito de buscar soluções para os problemas que afetam o país em todos os setores da economia e da sociedade.

 

Com a crise econômica, a Argentina sofreu duramente o golpe e teve suas exportações, capacidade de investimentos e, principalmente, capacidade de atrair investimentos externos, afetados. A inflação tem sido mantida sob controle devido à interferência governamental com tabelamentos e com medidas restritivas.

Recentemente adotou medidas em relação ao Brasil, que viu suas relações comerciais com os argentinos caírem de um índice de 17% para quase 7% e a assistir à adoção por parte da Argentina das “licenças não-automáticas”, prejudicando vários setores de nossa economia, em especial o setor têxtil e calçadista. A recíproca que seria aplicada foi evitada porque se notou que afetaria a economia argentina de forma pesada, já que parte significativa da produção exportada pelos argentinos é direcionada para o mercado brasileiro, apesar de eles estarem buscando novos mercados.

O governo de Cristina Fernandez busca com essa espécie de “Contrato Social” econômico ganhar fôlego para as eleições presidenciais que se avizinham e podem trazer um duro golpe aos Kirchners, que não só estão assistindo a ascensão de novas lideranças oposicionistas, como Maurício Macri na capital Buenos Aires, mas também tem presenciado a perda de controle dentro do seu partido, além de verem os peronistas  buscarem outros líderes dentro do próprio partido dos Kirchners, o Partido Justicialista.

Tags:
Marcelo Suano - Analista CEIRI - MTB: 16479RS

É Fundador do CEIRI NEWSPAPER. Doutor e Mestre em Ciência Política pela Universidade em São Paulo e Bacharel em Filosofia pela USP, tendo se dedicado à Filosofia da Ciência. É Sócio-Fundador do CEIRI. Foi professor universitário por mais de 15 anos, tendo ministrado aulas de várias disciplinas de humanas, especialmente da área de Relações Internacionais. Exerceu cargos de professor, assessor de diretoria, coordenador de cursos e de projetos, e diretor de cursos em várias Faculdades. Foi fundador do Grupo de Estudos de Paz da PUC/RS, do qual foi pesquisador até o final de 2006. É palestrante da Associação dos Diplomados da Escola Superior de Guerra (ADESG-RS), tendo exercido também os cargos de Diretor de Cursos e Diretor do CEPE/CEPEG da ADESG de Porto Alegre. Foi Articulista do Broadcast da Agência Estado e do AE Mercado (Política Internacional), tendo dado assessoria para várias redes de jornal e TV pelo Brasil, destacando-se as atuações semanais realizadas a BAND/RS, na RBS/RS e TVCOM (Globo); na Guaíba (Record), Rádioweb; Cultura RS; dentre vários jornais, revistas e Tvs pelo Brasil. Trabalhou com assessoria e consultoria no Congresso Nacional entre 2011 e 2017. É autor de livros sobre o Pensamento Militar Brasileiro, de artigos em Teoria das Relações Internacionais e em Política Internacional. Ministra cursos e palestra pelo Brasil e no exterior sobre temas das relações internacionais e sobre o sistema político brasileiro.

  • 1

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

×
Olá!