LOADING

Type to search

Presidente Lula declarou que ainda não decidiu sobre o avião de caça a ser escolhido para o “Projeto FX-2”. Analistas entendem como manobra estratégica

Share

O presidente do Brasil, Luiz Inácio Lula da Silva, afirmou, no dia 24 de março, quarta-feira, que cumprirá o cronograma para a escolha do avião de caça que comporá o “Projeto FX-2”.

Com isso, Lula transmite a certeza de que a decisão sobre o vitorioso será tomada ainda em seu governo. A estrutura do discurso, no entanto, traz dúvidas sobre a realidade da declaração. Mas, acredita-se que esta é a intenção do Presidente, objetivando criar uma “diversão”.

Segundo afirmou, é uma escolha que envolverá muito dinheiro e precisa ser debatida com a sociedade, já tendo liberado o ministro da Defesa, Nelson Jobim, para fazê-lo. O ponto principal, de acordo com o que declarou, está no fato de este ser um ano eleitoral (2010), que poderá levar ao uso político da questão, por parte de seus opositores.

Complementou dizendo que, até o momento, não pode tomar decisão, pois ainda não recebeu os relatórios técnicos do Ministro, podendo se pronunciar apenas quando ele estiver em suas mãos.  Ou seja, que ainda decidirá sobre o concorrente mais adequado.

Analistas têm acenado ele está executando uma manobra. Está criando a sensação de que não decidirá no seu governo, devido às questões envolvidas, apesar de declarar que cumprirá os prazos. Na realidade, está apenas esperando o momento propício anunciar o que já assumiu: que o vitorioso será o concorrente francês. Ele espera que algo ocorra para evitar os questionamentos, ou fará a declaração após a eleição do novo Presidente da República.

Confirmando esta percepção está o fato de que já foi anunciado em jornais que o relatório foi encerrado e com modificações em sua estrutura, uma vez que se retirou a avaliação anterior, dando mais ênfase na apresentação das vantagens específicas de cada concorrente. Algo que responde às exigências para que não haja acusações contra o governo.

 

Tags:
Marcelo Suano - Analista CEIRI - MTB: 16479RS

É Fundador do CEIRI NEWSPAPER. Doutor e Mestre em Ciência Política pela Universidade em São Paulo e Bacharel em Filosofia pela USP, tendo se dedicado à Filosofia da Ciência. É Sócio-Fundador do CEIRI. Foi professor universitário por mais de 15 anos, tendo ministrado aulas de várias disciplinas de humanas, especialmente da área de Relações Internacionais. Exerceu cargos de professor, assessor de diretoria, coordenador de cursos e de projetos, e diretor de cursos em várias Faculdades. Foi fundador do Grupo de Estudos de Paz da PUC/RS, do qual foi pesquisador até o final de 2006. É palestrante da Associação dos Diplomados da Escola Superior de Guerra (ADESG-RS), tendo exercido também os cargos de Diretor de Cursos e Diretor do CEPE/CEPEG da ADESG de Porto Alegre. Foi Articulista do Broadcast da Agência Estado e do AE Mercado (Política Internacional), tendo dado assessoria para várias redes de jornal e TV pelo Brasil, destacando-se as atuações semanais realizadas a BAND/RS, na RBS/RS e TVCOM (Globo); na Guaíba (Record), Rádioweb; Cultura RS; dentre vários jornais, revistas e Tvs pelo Brasil. Trabalhou com assessoria e consultoria no Congresso Nacional entre 2011 e 2017. É autor de livros sobre o Pensamento Militar Brasileiro, de artigos em Teoria das Relações Internacionais e em Política Internacional. Ministra cursos e palestra pelo Brasil e no exterior sobre temas das relações internacionais e sobre o sistema político brasileiro.

  • 1

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.