LOADING

Type to search

Primeiro-Ministro da Espanha admite ter demorado a reconhecer a dimensão da crise em seu país

Share

O Primeiro-Ministro da Espanha, José Luís Rodríguez Zapatero, admitiu que demorou a reconhecer a dimensão da crise na Espanha e não hesitaria em tomar novamente medidas “impopulares”.

Em declarações ao jornal “El Pais”, Zapatero reconheceu que “o Executivo passou muito tempo se perguntando se estávamos numa crise ou num abrandamento” da economia.

Neste ano, reagindo à pressão que os mercados financeiros colocaram sobre à Espanha, o governo implementou um pacote de austeridade destinado a reduzir a despesa do Estado. Entre as medidas mais polêmicas está a redução dos salários dos funcionários públicos e a reforma do mercado de trabalho.

Eu sei muito bem que as medidas que tomei são impopulares. Vou aplicar essas medidas e mantê-las. Que ninguém duvide que, se for necessário adotar novas medidas, vou fazê-lo”, acrescentou Rodríguez Zapatero.Atualmente, a Espanha tem uma taxa de desemprego de aproximadamente 20%, a mais alta da Zona Euro, enquanto o défice das contas públicas atingiu 11,2% do PIB em 2009, valor que o Executivo quer reduzir a 3% até 2013.

Tags:
Daniela Alves - Analista CEIRI - MTB: 0069500SP

Mestre em Medicina pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Bacharel em Relações Internacionais, jornalista e Especialista em Cooperação Internacional. Atualmente é CEO do Centro de Estratégia, Inteligência e Relações Internacionais (CEIRI) e Editora-Chefe do CEIRI NEWSPAPER. Vencedora de vários prêmios nacionais e internacionais da área dos Direitos Humanos. Já palestrou em várias cidades e órgãos de governo do Brasil e do Mundo sobre temas relacionados a profissionalização da área de Relações Internacionais, Paradiplomacia, Migrações, Tráfico de Seres Humanos e Tráfico de órgãos. Trabalhou na Coordenadoria de Convênios Internacionais da Secretaria Municipal do Trabalho de São Paulo e na Assessoria Técnica para Assuntos Internacionais da Secretaria do Emprego e Relações do Trabalho do Governo do Estado de SP. Atuou como Diretora Executiva Adjunta e Presidente do Comitê de Coordenação Internacional da Brazil, Russia, India, China, Sounth Africa Chamber for Promotion an Economic Development (BRICS-PED).

  • 1

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.