LOADING

Type to search

Países-membros da União Européia começam a disputar influência com a “Comissão da UE” dentro da nova estrutura diplomática do Bloco europeu

Share

Os Ministros de Assuntos Exteriores da União Européia (UE) realizaram encontro neste sábado, dia 6 de março, em Córdoba, na Espanha, com o objetivo de organizar a estrutura de apoio à política externa do bloco e de torná-lo mais influente no mundo, começando por retomar o processo de negociação de paz no Oriente Médio.

Catherine Ashton (“Alta Representante da União Européia para os Negócios Estrangeiros e a Política de Segurança”) comunicou no encontro em Córdoba que deverá ir ao Oriente Médio, em meados de março, para visitar países-chave e a Faixa de Gaza, controlada pelo movimento radical islâmico Hamas, desde junho de 2007, após uma guerra civil contra as forças do presidente da “Autoridade Palestina”, Mahmud Abbas. Mas, para chegar ao território palestino, será preciso que Israel suspenda o bloqueio imposto à região.

Por outro lado, na reunião de ministros, ficou evidente que diversos países-membros estão preocupados com uma influência demasiada da “Comissão Européia” sobre a diplomacia da comunidade, que poderá enfraquecer os postos nacionais na área. Por isso, os países-membros da União Européia começam a disputar com a “Comissão da EU” influência dentro da nova estrutura diplomática do Bloco europeu, gerando mais instabilidade política e descredenciando a comunidade européia como principal mediadora de um processo de negociação de paz.

Um serviço diplomático europeu que estiver atado à coleira de outras instituições européias não terá o êxito que nós, alemães, desejamos“, declarou o ministro alemão das Relações Exteriores, Guido Westerwelle. A Alemanha é um dos países que defende uma maior autonomia para o “Serviço Europeu de Ação Exterior” (SEAE), o novo órgão diplomático da UE.

Tags:
Daniela Alves - Analista CEIRI - MTB: 0069500SP

Mestre em Medicina pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Bacharel em Relações Internacionais, jornalista e Especialista em Cooperação Internacional. Atualmente é CEO do Centro de Estratégia, Inteligência e Relações Internacionais (CEIRI) e Editora-Chefe do CEIRI NEWSPAPER. Vencedora de vários prêmios nacionais e internacionais da área dos Direitos Humanos. Já palestrou em várias cidades e órgãos de governo do Brasil e do Mundo sobre temas relacionados a profissionalização da área de Relações Internacionais, Paradiplomacia, Migrações, Tráfico de Seres Humanos e Tráfico de órgãos. Trabalhou na Coordenadoria de Convênios Internacionais da Secretaria Municipal do Trabalho de São Paulo e na Assessoria Técnica para Assuntos Internacionais da Secretaria do Emprego e Relações do Trabalho do Governo do Estado de SP. Atuou como Diretora Executiva Adjunta e Presidente do Comitê de Coordenação Internacional da Brazil, Russia, India, China, Sounth Africa Chamber for Promotion an Economic Development (BRICS-PED).

  • 1

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.