LOADING

Type to search

Portugal anuncia aprofundamento das medidas de austeridade

Share

Ontem, dia 13 de outubro, o “Primeiro-Ministro” de Portugal, Pedro Passos Coelho, anunciou que no Orçamento de 2012 do país serão eliminados os bônus de fim de ano dos servidores públicos e estendidos os horários de trabalho para que o país recupere credibilidade e cumpra as duras metas fiscais do plano de resgate de 78 bilhões de euros.

 

Passos Coelho justificou o aprofundamento das medidas de austeridade afirmando que “se nos víssemos privados da assistência externa, e sem a possibilidade de nos financiarmos no exterior, teríamos de enfrentar o imediato encerramento de muitas atividades do Estado, o não pagamento de salários, incumprimentos (sic) em cadeia pela economia que conduziriam a falências em massa, o prolongamento indefinido da nossa falta de competitividade, a incapacidade instantânea de importar bens que neste momento são absolutamente necessários para o nosso modo de vida, como os alimentos e os medicamentos”*.

Em reação às medidas anunciadas, o presidente do “Sindicato dos Quadros Técnicos do Estado” (STE) afirmou que as medidas aplicadas pelo Governo vão conduzir à “construção de uma nova pobreza”** em Portugal. O presidente do STE declarou que é impensável os cortes de subsídios de férias e de Natal para funcionários públicos que recebam mais de mil euros e prometeu*** todas as reações possíveis na legislação contra as medidas para os trabalhadores da função pública anunciadas por Passos Coelho.

——————————

*Ver:

http://www.jornaldenegocios.pt/home.php?template=SHOWNEWS_V2&id=512043

** Ver:

http://www.google.com/hostednews/epa/article/ALeqM5hC0sNnM1CwnJnig2nKdi_Z32qWtQ?docId=13194287

***Ver:

http://m.tsf.pt/m/newsArticle?contentId=2055639&page=1

Ver também:

http://www.dn.pt/inicio/economia/interior.aspx?content_id=2055723

Ver também:

http://aeiou.expresso.pt/oe2012-as-principais-medidas-de-austeridade=f680171


Tags:
Daniela Alves - Analista CEIRI - MTB: 0069500SP

Mestre em Medicina pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Bacharel em Relações Internacionais, jornalista e Especialista em Cooperação Internacional. Atualmente é CEO do Centro de Estratégia, Inteligência e Relações Internacionais (CEIRI) e Editora-Chefe do CEIRI NEWSPAPER. Vencedora de vários prêmios nacionais e internacionais da área dos Direitos Humanos. Já palestrou em várias cidades e órgãos de governo do Brasil e do Mundo sobre temas relacionados a profissionalização da área de Relações Internacionais, Paradiplomacia, Migrações, Tráfico de Seres Humanos e Tráfico de órgãos. Trabalhou na Coordenadoria de Convênios Internacionais da Secretaria Municipal do Trabalho de São Paulo e na Assessoria Técnica para Assuntos Internacionais da Secretaria do Emprego e Relações do Trabalho do Governo do Estado de SP. Atuou como Diretora Executiva Adjunta e Presidente do Comitê de Coordenação Internacional da Brazil, Russia, India, China, Sounth Africa Chamber for Promotion an Economic Development (BRICS-PED).

  • 1

Deixe uma resposta