LOADING

Type to search

Projeção Naval da Federação Russa indo de encontro com os Norte-Americanos

Share

Este ano (2015), a Rússia lançou o novo Programa de Doutrina Naval, que está sendo pensado com vistas a reforçar sua nova projeção internacional, incluindo, desde a reativação de bases navais em todos oceanos, como a ativação de nova Rota Comercial do Norte (pelo Ártico) e a construção de novos navios, submarinos e embarcações de transporte de aeronaves.

Mediante essa nova postura da Federação Russa, tem surgido um debate acerca de como será a resposta do Governo Norte-Americano neste novo desdobramento Geoestratégico Naval Mundial, algo que tem levantado a preocupação de analistas estadunidenses, os quais observam que, cada vez mais, o Governo Norte-Americano tem sua atenção voltada para os problemas internos e vem reduzindo a capacidade de influenciar em ambientes acadêmicos e na Mídia pelo resto do mundo, o que afeta o seu softpower, diferentemente da Rússia, que tem seu potencial de softpower em ascensão, algo que também aumenta a capacidade de negócios do país, assim como sua capacidade de influência e cooperação.

Os Estados Unidos tem mantido seus exercícios junto à OTAN e uma forte presença nos países Bálticos, mas a Federação Russa tem ampliado suas cooperações econômicas, o que tem refletido ainda em cooperação nas áreas de Segurança e Defesa. No caso, tem-se, como exemplo, a cooperação com a China e com a Índia, ressaltando-se que,  com o Banco de Desenvolvimento do BRICS, tal cooperação tende a se estender para o Brasil e África do Sul.

Como pode ser observado, a partir das avaliações dos analistas internacionais, pode-se construir um cenário em que se apresenta o adormecimento da projeção dos Estados Unidos, num processo que se desenvolveu ao longo destes dois últimos governos norte-americanos. Tal situação pode ter gerado uma janela que, durante o mesmo período, vem sendo explorada pela Federação Russa.

———————————————————————————————-

Imagem (Fonte):

https://s20.postimg.org/44fri1hbx/su_33_1024_004_1.jpg

Daniel Costa Sampaio - Colaborador Voluntário Júnior

Pósgraduado em Ciência Política (IUPERJ) e Bacharel em Relações Internacionais (UCAM). Experiência profissional em Representação Comercial e atualmente Gerente de Projetos e Novos Negócios na Prefeitura do Rio de Janeiro. No CEIRI Newspaper escreve no grupo Europa desde março de 2013, em que desenvolve publicações com ênfase na Política Externa Russa.

  • 1

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

×
Olá!