LOADING

Type to search

Rússia suspende Acordo de Livre Comércio com a Ucrânia

Share

Nesta semana (na quarta-feira, 16 de dezembro), o Presidente da Federação Russa, Vladimir Putin, assinou um Decreto suspendendo um Acordo de Zona Livre para o comércio com a Ucrânia. Tal suspensão deverá ser aplicada a partir de 1º de janeiro de 2016

Este Acordo de Livre Comércio estava em vigor desde 2011, permitindo a ambos países comercializarem produtos de qualquer tipo e quantidade, sem tributação, graças à participação da Ucrânia como membro da Comunidade de Estados Independentes (CEI, ou Commonwealth of Independent States / CIS, na sigla em inglês).

Segundo a declaração exposta no site governamental, a suspensão do pacto foi desencadeada por “circunstâncias excepcionais que afetam os interesses e segurança econômica da Rússia, exigindo uma ação imediata”, mas é possível entender que a suspensão do pacto foi desencadeada como uma reação direta ao recente acordo entre Ucrânia e a União Europeia, que também trata de uma Zona de Livre Comércio e, segundo expectativas, mudará a perspectiva do consumo drasticamente na vida dos ucranianos. Esse Tratado entrará em vigor no primeiro dia de janeiro em 2016, o que, para os russos, impossibilitaria a permanência da Ucrânia na CIS.

Analistas observam que essa intensificação do distanciamento é reflexo das mudanças políticas que vive a Ucrânia no seu cenário de crise política e negociação da guerra civil, mostrando que os movimentos pró-união europeia tiveram vitória na luta por mudança no alinhamento político estratégico do país.

———————————————————————————————-

Imagem (Fonte):

http://cits.uga.edu/uploads/1540compass/1540images/_compass750/cismap.png

Daniel Costa Sampaio - Colaborador Voluntário Júnior

Pósgraduado em Ciência Política (IUPERJ) e Bacharel em Relações Internacionais (UCAM). Experiência profissional em Representação Comercial e atualmente Gerente de Projetos e Novos Negócios na Prefeitura do Rio de Janeiro. No CEIRI Newspaper escreve no grupo Europa desde março de 2013, em que desenvolve publicações com ênfase na Política Externa Russa.

  • 1

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.