LOADING

Type to search

Share

O possível lançamento de um satélite pelo governo norte-coreano está preocupando as grandes potências asiáticas e ocidentais. A informação sobre o lançamento de um satélite da Coréia do Norte foi o suficiente para Washington e Seul se prepararem para quaisquer hostilidades por parte do governo comunista, além do fato de o Japão preparar todo um sistema de defesa.

 

A China também demonstrou preocupações referente ao caso, pois esta atitude norte-coreana poderia desencadear um conflito na região. Segundo o chanceler chinês, Yang Jiechi, durante um encontro entre autoridades chinesas, do Japão e da Coréia do Sul, ele apresentou argumentos e o posicionamento de seu país o assunto e pediu calma.

Yang disse que a China já comunicou os pontos negativos, caso Pyongyang continue com os planos do lançamento do satélite, pois mesmo que seja com fins pacíficos, as demais nações do leste asiático ainda tem dúvidas sobre os reais objetivos deste Projeto. Juntamente com seus vizinhos, Beijing pretende dialogar com o governo norte-coreano a fim de chegar a uma resolução pacífica.

——————–

Fontes:

Ver:

http://www1.folha.uol.com.br/mundo/1073028-china-demonstra-preocupacao-com-lancamento-de-satelite-norte-coreano.shtml

Ver:

http://portuguese.cri.cn/561/2012/04/08/1s148958.htm

IMAGEM: O foguete norte-coreano Unha-3 no centro espacial de Tongchang-ri (AFP, Pedro Ugarte)

Tags:
Fabricio Bomjardim - Analista CEIRI - MTB: 0067912SP

Bacharel em Relações Internacionais (2009) e técnico em Negociações Internacionais (2007) pela Universidade Anhembi Morumbi (UAM). Atua na área de Política Econômica com foco nos países do sudeste e leste asiático, sendo referência em questões relacionadas a China. Atualmente é membro da Júnior Chamber International Brasil-China, promovendo as relações sócio-culturais sino-brasileiras em São Paulo e Articulista da Revista da Câmara de Comércio BRICS. Também atuou como Consultor de Câmbio no Grupo Confidence.

  • 1

Deixe uma resposta