LOADING

Type to search

Uberaba poderá se tornar uma “Zona de Processamento de Exportação”

Share

No dia 6 de março, o “Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior” do Brasil anunciou que o “Conselho Nacional das Zonas de Processamento de Exportação” (CZPE) aprovou a proposta de criação da “Zona de Processamento de Exportação do município de Uberaba” (MG), que será encaminhada para análise da “Presidenta da República”.

 

De acordo com a divulgação, a proposta de criação foi apresentada pela “Prefeitura Municipal de Uberaba” e apoiada pelo “Governo do Estado de Minas Gerais”, o qual declarou que o empreendimento se enquadra no “Plano Mineiro de Desenvolvimento Integrado” (2007/2023), contribuindo para a agregação de valor à pauta de exportações do Estado.

Com uma área de aproximadamente 260 hectares, a ZPE de Uberaba está em uma área privilegiada para exportação, com disponibilidade de insumos, centros de formação de mão-de-obra, além de malhas rodoviária e ferroviária que permitem acesso aos principais portos do país. Em 2010, os principais mercados de destino das exportações do município foram Iraque, Egito, Argentina, México e China.

De acordo com a proposta apresentada pelo proponente, a ZPE tem potencial para atrair investimentos nas áreas de processamento de carnes (bovina e de frango), produção de óleo e processamento de farelo de soja. Outras cadeias produtivas com potencial para se instalarem na ZPE seriam: sucroalcooleira, couro, produtos lácteos, moveleira, químicos e cosméticos.

Cabe ressaltar que as ZPEs caracterizam-se como áreas de livre comércio com o exterior, destinadas à instalação de empresas voltadas para a produção de bens a serem comercializados no mercado externo, sendo consideradas zonas primárias para efeito de controle aduaneiro.

—————–

Fonte:

*Ver:

http://www.mdic.gov.br/sitio/interna/noticia.php?area=1&noticia=11351

Tags:
Daniela Alves - Analista CEIRI - MTB: 0069500SP

Mestre em Medicina pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Bacharel em Relações Internacionais, jornalista e Especialista em Cooperação Internacional. Atualmente é CEO do Centro de Estratégia, Inteligência e Relações Internacionais (CEIRI) e Editora-Chefe do CEIRI NEWSPAPER. Vencedora de vários prêmios nacionais e internacionais da área dos Direitos Humanos. Já palestrou em várias cidades e órgãos de governo do Brasil e do Mundo sobre temas relacionados a profissionalização da área de Relações Internacionais, Paradiplomacia, Migrações, Tráfico de Seres Humanos e Tráfico de órgãos. Trabalhou na Coordenadoria de Convênios Internacionais da Secretaria Municipal do Trabalho de São Paulo e na Assessoria Técnica para Assuntos Internacionais da Secretaria do Emprego e Relações do Trabalho do Governo do Estado de SP. Atuou como Diretora Executiva Adjunta e Presidente do Comitê de Coordenação Internacional da Brazil, Russia, India, China, Sounth Africa Chamber for Promotion an Economic Development (BRICS-PED).

  • 1

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.