LOADING

Type to search

Voltam a ocorrer tensões armadas entre Israel e Gaza

Share

Depois de aproximadamente quatro meses do cessar-fogo que teve início em novembro do ano passado, voltaram a ocorrer tensões armadas entre Israel e Gaza. O confronto teve início após um prisioneiro palestino falecer de câncer no esôfago em um hospital israelense na cidade de “Be’er Sheva”. Maysara Abu Hamdiya, que morreu na última terça-feira aos 64 anos, era um general aposentado da “Autoridade Palestina”.

Com seu falecimento, centenas de prisioneiros palestinos em prisões israelenses lançaram protestos alegando que Abu Hamdiya não recebeu tratamento apropriado, acusação negada por Israel. Os prisioneiros declararam greve de fome com a duração de três dias. Em solidariedade ao falecimento do Sr. Hamdiya, diversos lojistas fecharam seus negócios em sua cidade natal, Hebron.

Gaza fez os primeiros ataques na própria terça-feira em apoio aos protestantes, lançando um foguete que falhou em cruzar a fronteira. Não causando nenhuma vítima, o ato foi a mais recente violação do cessar-fogo mediado pelo Egito em 2012. Na manhã desta quarta feira, 3 de abril, outros dois foguetes caíram na cidade de Sderot, onde há grande número de civis.

As “Forças de Defesa de Israel” (FDI) realizaram ataques aéreos em Gaza, em retaliação aos lançamentos. O falecimento do Sr. Hamdiya, tido como mártir e herói, também gerou protestos na Cisjordânia. Ainda na noite de quarta-feira, um adolescente palestino foi morto e outros foram feridos em um confronto entre um grupo de jovens palestinos e soldados das FDI. Segundo o exército israelense, os jovens atacaram a tropa com armas incendiárias – coquetéis Molotov – ao que os soldados responderam com fogo aberto.

Segundo Jon Donnison, correspondente da BBC em Gaza, nem Israel nem o “Hamas” desejam seguir em mais uma escalada de violência. Mas o atual confronto demonstra a fragilidade do cessar-fogo assinado em novembro do ano passado, após oito dias de conflito que causaram a morte de mais de 160 pessoas[1].

————————

Imagem (Fonte):

http://www.jpost.com/DiplomacyAndPolitics/Article.aspx?id=308589

———————

Fonte consultada:

[1] Ver:

http://www.bbc.co.uk/news/world-middle-east-22010969

      

Tags:
Carla Albala Habif - Colaboradora Voluntária

Mestranda em História Comparada pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). Bacharel em História pela Universidade Federal Fluminense (UFF) e especializada em Relações Internacionais Contemporâneas (PUC-Rio). Com foco em política no Oriente Médio, participou da “The Israeli Presidential Conference – Facing Tomorrow” - sob os auspícios de Shimon Peres - nos anos de 2011 e 2012, tendo realizado outros cursos na área em Israel.

  • 1

Deixe uma resposta